Equipe de Luísa Sonza afastou cantora da internet e deve processar autores de ataques virtuais, afirma colunista

Entre as mensagens, a cantora recebeu a foto de uma arma e ameaças de morte

Por: Karen Ramos | 31 maio - 17:19

Luísa Sonza sofreu diversos ataques após a morte do primogênito de Whindersson Nunes e Maria Lina. Segundo a coluna de Leo Dias, a equipe que cuida da carreira decidiu afastar a cantora das redes sociais e processar todos os perfis que estão fazendo ameaças por mensagens.

Luísa chegou a publicar um vídeo em desespero, pedindo que parem os ataques, em seu Instagram Stories, mas foi apagado em seguida. Em uma das mensagens recebidas pela cantora que a coluna de Leo Dias teve acesso, o usuário compartilhou a foto de uma arma e fez ameaça de morte. “Você vai pagar caro, a sua hora vai chegar”, escreveu um internauta.

Com os ataques contra Luisa Sonza, Vitão se manifestou em seu Instagram nesta segunda-feira (31). O cantor compadeceu da dor do casal, mas repreendeu os ataques contra Luisa. “Quando eu vejo as pessoas, mais uma vez, atacando a Luisa na internet parece que vocês querem amenizar a dor deles causando muita dor em outra pessoa”, comentou.

LEIA MAIS:

Morre João Miguel, filho de Whindersson Nunes e Maria Lina, após parto prematuro

Luísa Sonza é culpabilizada pela web por morte de filho de Whindersson e se desespera: “Parem”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!