Eliezer comenta fama que ganhou no BBB 22: “vou falar que deu tudo errado”

Por: Marcela Rampini | 26/04/22 - 13:34

Eliezer foi o último eliminado do “BBB 22” com 65,76% dos votos em um paredão contra Arthur Aguiar e Douglas Silva. Em entrevista para a Revista Quem, o empresário falou sobre a experiência de ficar 98 dias em confinamento e a fama que ganhou de ser azarado.

+ Saiba tudo que está rolando no BBB 22

“Na vida real, tudo o que pode acontecer comigo acontece. As situações mais improváveis, as histórias mais loucas, quando eu conto, as pessoas duvidam que aconteceram comigo. Dessa vez, no Big Brother, eu provei para todo mundo que um dia desconfiou de uma história minha que é possível acontecer. Eu tenho esse ímã, não sei explicar. Acho que Deus, quando me fez, falou: ‘Esse aqui vai com tudo’”, disse o brother que sabe que se tornou alvo de piadas com sua má sorte nas provas do programa.

Ainda de acordo com Eli, ele reconhece que também teve momentos de sorte durante o programa.”Eu não vou falar que deu tudo errado porque eu entrei no BBB, fiquei até o final e não acho que seja um azar. Isso é uma vitória muito grande para mim. Mas, ainda assim, dentro dessa vitória, houve esses acasos inexplicáveis. E não foi só no BBB; aqui fora também acontecem coisas comigo que nem eu acredito. Mas eu acho que foi muito divertido. Eu gosto de levar a vida de forma leve, então eu sabia que, se levasse cada derrota, cada azar ao pé da letra numa dimensão muito grande, se eu fomentasse aquilo, eu não iria conseguir me manter equilibrado e estável para continuar, uma vez que estava tudo dando errado. As pessoas estavam saindo, eu não ganhava nada, só tirava zero, era vetado. Tudo acontecia ali, então eu tinha que procurar o lado bom das situações, tirar sarro para deixar mais leve para mim, conduzir da melhor forma possível e não surtar lá dentro.”

Relacionamento com Maria

Eliezer também aproveitou pra falar sobre seu breve relacionamento com Maria: “Meu relacionamento com a Maria foi muito diferente do meu relacionamento com a Natália. Eu e a Maria já estávamos no caminho de nos tornarmos grandes amigos. Nós já éramos muito amigos e tínhamos uma situação à parte, entre homem e mulher. Era algo muito pontual, que foi conversado antes de acontecer. Nós dois já sabíamos como seria se acontecesse. Sempre ficávamos eu, Maria e Vyni e o papo começou a evoluir em relação ao jogo, porque passavam os dias e a Maria ia para o game bem mais do que eu e o Vyni. Então, com certeza, além de minha amiga, ela seria uma aliada ali dentro, até porque a gente fazia parte do mesmo quarto.”

Agora, ao ser questionado do seu affair com Natália, o brother respondeu sobre uma relação mais intensa e que foi fortificada com o passar do tempo de ambos os jogadores dentro da casa: “A relação com a Natália já foi diferente. A gente começou numa situação de ‘vamos só curtir’; depois algumas coisas aconteceram e a relação foi evoluindo. Não tem como você estar numa casa com uma pessoa, conviver com ela o tempo todo e a relação se manter igual. Por mais que eu não tivesse o objetivo de fazer um casal lá dentro. Sempre que eu assistia ao ‘Big Brother’, eu achava que o homem do casal nunca ganhava o programa, então nunca foi meu objetivo. Só que quando o Vyni saiu e eu fiquei sozinho, a minha relação com a Natália ficou muito mais intensa, porque ela era a única pessoa que eu tinha naquele momento, que me ajudou e muito! A gente acabou tendo uma relação também de amizade em cima disso porque ela também estava num momento muito frágil, com várias questões com as meninas. Era ela, de um lado, com questões com as meninas, e eu, de outro lado, com as minhas questões internas. Nós ficamos muito próximos naquele momento. Então, sim, principalmente a minha relação com a Natália, me ajudou a segurar a onda muitas vezes, ela foi muito parceira comigo.”

Linn da Quebrada fala sobre sentimento de deixar o “BBB 22”: “Uma sensação muito grande de derrota”

Linn da Quebrada participou do “Mais Você” nesta terça-feira (26). A ex-BBB já havia sido convidada por Ana Maria Braga para participar do programa pessoalmente quando participou do quadro “Café da manhã com Eliminado”, um dia depois de deixar o reality show. Durante seu papo com a apresentadora, Lina falou sobre sua experiência no programa e percepções sobre o jogo.

Sempre sonhei com a possibilidade do Brasil torcer por uma travesti. Também já sonhei com a possibilidade de uma travesti tomar café da manhã com Ana Maria Braga e agora estou aqui”, disse a ex-BBB. E ao lado da apresentadora, dentro de uma piscina de bolinhas, elas fizeram um brinde, relembrando do saldo positivo que Lina trouxe da experiência do reality: “O Brasil agora conhece a Lina Pereira. A Linn da Quebrada eu inventei. A Linn da Quebrada foi construída. Não sou só de uma forma. Eu choro, eu rio e o BBB foi importante para mim porque pude mostrar isso a muita gente.”

Ao falarem sobre a saída de Lina da casa do “BBB 22”, a atriz foi muito sincera sobre seus sentimentos: “Saí com uma sensação muito grande de derrota, queria ter avançado no jogo, queria chegar perto do pódio, achava a minha saída prematura. Saí triste, mas o carinho que recebo aqui fora é especial. Fico triste por ter decepcionado as pessoas que torceram por mim. Minha ‘linnderança’ parece que foi a minha maldição.”

Seria histórico ter uma travesti ganhando o BBB. Se desde o BBB15 não ganha um homem, nunca uma travesti ganhou. Quando teve a edição com a Ariadna, ela saiu logo na primeira semana. Na vida, para eu ser quem eu sou, precisei sofrer em alguns momentos”, finalizou a ex-BBB. Confira o momento:

Leia mais sobre BBB 22:

+ Vencedor do BBB 22: Globoplay prepara documentário sobre a vida do novo milionário

+ Ludmilla reúne ex-BBBs em sua festa de aniversário e sela a paz: “Pré-final do Big Brother 22”

+ Jade Picon é a queridinha da Globo e pode estrelar a próxima novela das nove

Confira tudo que está rolando no mundo dos famosos!