Após ser chamada de racista, Paula Sperling abre o jogo sobre treta com Gleici Damasceno

As campeãs trocaram farpas nas redes sociais

Por: Camilla Tochetto | 02 setembro - 19:39

A briga entre as campeãs do BBB18 e BBB19 começou com Paula Sperling, que acusou Gleice Damasceno de ser racista.

Tudo começou nas redes sociais, quando Gleice Damasceno publicou alguns videos chorando e dizendo o quanto as palavras podem machucar. Paula, por sua vez, comentou em uma das fotos da ex-participante relembrando quando foi julgada por Damasceno durante o reality show da Globo.

Campeã do BBB18, que teve carro apreendido, terá que fazer novas aulas de habilitação

Você foi uma das pessoas que não se lembraram que palavras machucam, que aqui do outro lado tem uma pessoa que no momento mais difícil viu você no meio da multidão me esfregando embaixo dos seus pés”escreveu Paula.

Em uma entrevista à revista Quem, Paula abriu o jogo em relação a briga. “Na verdade, não escrevi para a Gleici. Seria para qualquer pessoa que visse o mesmo conteúdo. Me solidarizo com as pessoas e no caso desse comentário o fiz por ter vivido na pele o que ela estava relatando”, relatou ela.

Paula disse que a resposta foi realmente direcionada à Gleice, pois ao deixar o reality como campeã do BBB19, decepcionou-se com a acreana. “Seus comentários foram agressivos à minha pessoa. Ela proferiu ataques desnecessários a mim e em redes sociais. Ontem, quando a vi sendo atacada e não sabendo lidar com a situação, quis ser solidária, deixando para ela o meu aprendizado, tentando fazê-la perceber que eles estão errando duramente, assim como ela também errou”, declarou.

A mineira disse que lamentou as declarações de Gleici. “Vi que ela ainda tem uma longa caminhada na estrada da vida, do amadurecimento e por isso apenas vi, lamentei e não retribuí”, afirmou.

Confira tudo o que rolou no mundo dos famosos: