WarnerMedia e Discovery anunciam fusão; streaming das empresas será maior que Netflix

O anúncio da união entre as duas empresas do entretenimento foi realizado nesta segunda-feira (17)

Por: David Mesquita | 17 maio - 21:31

A empresa norte-americana de comunicações AT&T, que detém a marca WarnerMedia, e a Discovery assinaram acordo de fusão nesta segunda-feira (17).

A união das duas empresas do entretenimento é criar uma gigante para competir com as plataformas de streaming Netflix e Disney+.

Agora, canais como HBO e CNN, ambos da WarnerMedia, e Discovery Kids e Oprah Winfrey’s OWN, da Discovery, estarão sob o mesmo acordo.

O valor da fusão, segundo informações do The New York Times, avaliado para criação deste novo grupo de mídia é de US$ 150 bilhões (quase R$ 800 bilhões).

Produções como a franquia Harry Potter e filmes da DC Comics devem estar presente nesse novo streaming, assim como diversos canais da Discovery.

Em um comunicado conjunto, a fusão foi descrita como a criação de “um dos maiores players globais do streaming”.

O acordo também une “o entretenimento premium e os produtos esportivos e noticiosos da WarnerMedia com a liderança da Discovery em entretenimento internacional e de não ficção, assim como com seus negócios esportivos, para criar uma empresa global de entretenimento líder e autônoma”, segundo afirma o comunicado.

“A nova empresa poderá investir mais em conteúdos originais para os seus serviços de streaming, melhorar as opções de programação dos seus canais de televisão paga (…) e oferecer mais experiências inovadoras em vídeo, assim como mais opções aos telespectadores”, destacaram os dois grupos, no comunicado divulgado.

A AT&T comprou a Time Warner em 2018 e depois a rebatizou como WarnerMedia, proprietária da HBO, dos estúdios Warner Bros e de canais a cabo, como a CNN. A Discovery tem canais em mais de 200 países, segundo informações do site da empresa.

Vale lembrar que a AT&T, a primeira operadora de cabo no país norte-americano e segunda operadora móvel, lançou sua própria plataforma de streaming HBO MAX em 2020, e a Discovery, a sua, Discovery+, no início do ano.

No final de 2020, a HBO MAX contava com 61 milhões de assinantes. Já a Discovery+, 15 milhões, no fim de abril de 2021.

Enquanto a Netflix tinha 204 milhões de assinantes, e as plataformas Disney (Disney+, ESPN+, Hulu), 146 milhões.

LEIA TAMBÉM:

Livro da autora de ‘Harry Potter’ acusado de transfobia é premiado e chega ao Brasil em maio

“Pokémon” tem 24ª temporada confirmada; saiba detalhes!

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!