Após denunciar diretor da Record por assédio sexual, Rhiza Castro se pronuncia: “Justiça sendo feita”

Por: Marcela Rampini | 30/11/23 - 21:03

Rhiza Castro era apresentadora da RecordTV e acabou sendo demitida após denunciar Thiago Feitosa por assédio sexual e conversou com Lucas Pasin do Splash UOL sobre o processo trabalhista que entrou contra a emissora e contra o diretor. Na conversa, Rhiza afirma que a justiça vem acontecendo e que ela está mais calma em relação a tudo:

+ Após ter o divórcio pela Lei Maria da Penha negado, Ana Hickmann se manifesta: “O divórcio vai acontecer”

“Sensação de justiça sendo feita. Só quem passou por este tipo de violência consegue entender a dor”, falou a jornalista. No entanto, após a declaração, os advogados de Thiago Feitosa também se pronunciaram: “O inquerito policial esta arquivado sem qualquer tipo de condenação ou culpa e correu em segredo de justiça, qualquer manifestação contraria a essa é criminosa”, finalizou.

Após denunciar diretor da Record por assédio sexual, Rhiza Castro se pronuncia: "Justiça sendo feita"

Rhiza Castro se pronuncia sobre investigação com diretor da RecordTV após assédio sexual. (Reprodução/Instagram)

Rhiza Castro já havia dado detalhes sobre a demissão

“Não estava preparada psicologicamente para ficar voltando ao assunto. Sendo que toda hora tinha que ficar falando por conta do processo. Hoje eu me sinto mais à vontade de falar e com vontade de expor a situação para não ser mais um caso velado”, afirmou. Em seguida, a apresentadora afirmou que ainda tem todas as mensagens enviadas pelo diretor: “Foram meses recebendo muitas mensagens. Tenho todas elas, e isso me ajudou a provar o assédio. [O diretor] fazia convites para jantar, tirava fotos minhas e me mandava elogiando, e falava coisas do tipo: ‘Assim meu coração não aguenta’. Até presentes ele já me deu. Foram muitas diretas e indiretas”, explicou.

Entretanto, Rhiza chegou a publicar um vídeo em seu instagram fechado onde deu detalhes sobre o motivo da demissão: “O motivo [da demissão] foi que sofri assédio sexual do meu diretor por quase um ano. No final, eu sofri retaliações porque obviamente eu não cedi. Até que não aguentei mais e fiz a denúncia no RH da empresa. Não tinha feito boletim de ocorrência, nada, levei esse fato ao RH e falei: ‘O que vocês vão fazer?’ E o que eles fizeram foi me demitir dois dias após a denúncia”, inicia ela, que segue:

“Denunciei no RH da Record. Fui lá pessoalmente, conversei com o diretor do RH, e ele me pediu que mandasse um email com algumas provas. Fiz isso, e dois dias depois veio a minha demissão. A justificativa foi ‘corte de gastos’, e nunca mais falaram absolutamente nada. Tinha esperança que fosse uma empresa que zelasse pelo bem-estar de seus colaboradores. Me enganei […] Tenho muito orgulho de ter feito tudo isso, saído dessa prisão. Talvez eu tenha sido a única mulher que teve coragem, porque sei de várias outras pessoas que sofreram na mão dessa pessoa”, finalizou.

Fique por dentro de todas as notícias da TV e dos famosos:

+ A Fazenda 15: Na berlinda, Radamés Martins compartilha sentimentos sobre deixar o reality rural

+ A Fazenda 15: Eliminada, Alícia X defende veracidade na relação de Cézar Black e Kally Fonseca

+ A Fazenda 15: Nadja Pessoa faz comparação entre edições e expõe alerta contra ex-aliada