YouTube está lançando anúncios de serviços públicos de vacinação do COVID-19 para incentivar usuários se vacinarem

A plataforma está divulgando diversas mensagens incentivadoras e confiáveis sobre lugares de vacinação do COVID-19

Por: Aline Rocha Lemos | 27 abril - 11:18

O YouTube, uma das maiores plataformas de Streaming está lançando uma série de anúncios para o público sobre a vacina do COVID-19, chamando-a de “primeiro público” a empresa está com uma parceria junto ao Projeto de confiança da vacina da Escola de Higiene e Medicina Tropical de Londres.

Os anúncios começarão aparecer hoje nos Estados Unidos, e serão lançados internacionalmente nas próximas semanas, de acordo com a disponibilidade do local de vacina.

A plataforma postou cerca de 12 vídeos de 16 segundos em seu canal, dois videos de 32 segundos (um em inglês, um em espanhol) e também vídeo completo onde junta todos videos. As mensagens informadas tem como objetivo incentivar os leitores, exemplos, “voltar para o que você ama”, “porque montanhas-russas”, “porque recepções de casamento”, “porque canções de aniversário” e “porque tudo”, para refletir a vida livre que todos podiam ter, e se tomarem a vacina, poderão voltar em um futuro breve a fazer tudo que gostam, sem preocupações.

O YouTube afirma que as mensagens serão exibidas em sua plataforma – bem como televisão, rádio, e postagens em redes sociais pagas até julho, com o objetivo de alcançar os americanos com idades entre 18 e 34 anos.

Todos os adultos dos EUA são elegíveis uma vacina do COVID-19, e metade da população adulta já recebeu a primeira dose, mas nas últimas semanas a taxa de vacinação diminuíram muito.

O YouTube afirma que sua campanha visa “garantir que as pessoas tenham acesso a informações confiáveis sobre a vacina, incluindo como ela foi desenvolvida e testada.

LEIA MAIS:

YouTube anuncia novo recurso de resolução para vídeos dentro da plataforma

Atualização do YouTube permite que foto e nome do canal sejam independentes do Google

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você