Facebook não vai notificar os 530 milhões de usuários que tiveram dados pessoais vazados

Um vazamento expôs informações de cerca de meio bilhão de perfis na última semana

Por: Gabrielle Gonçalves | 08 abril - 20:39

Na última quarta-feira (7), o Facebook anunciou que não tem planos de notificar os 530 milhões de usuários que tiveram suas informações vazadas.

Foto: Pixabay

Um porta-voz da empresa disse que a rede social não tinha certeza de ter visibilidade total sobre quais pessoas precisariam ser notificadas. A companhia também afirmou que leva em consideração o fato de que os usuários não podem consertar o problema e que os dados foram disponibilizados publicamente.

Na semana passada, o site Business Insider havia noticiado que informações de perfis de alguns usuários foram expostas em fóruns de hackers. Os detalhes vazados incluem número de telefone, nome completo, data de nascimento e, para algumas contas, endereço de e-mail.

Segundo o Facebook, os dados pessoais foram coletados por meio de uma técnica chamada de “raspagem”, que usa robôs para coletar informações públicas. De acordo com a empresa, “agentes maliciosos” obtiveram as informações devido a uma antiga vulnerabilidade do sistema, que já teria sido resolvida em 2019.

“Como resultado da ação que tomamos, estamos confiantes de que o problema específico que permitiu a eles extrair esses dados em 2019 não existe mais”, afirmou o Facebook em uma postagem no seu blog.

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: