Facebook deve lançar criptomoeda própria ainda em 2021

Inicialmente chamada de "Libra", a moeda digital da rede passou por algumas mudanças

Por: Gabrielle Gonçalves | 21 abril - 13:56

De acordo com o canal de televisão americano CNBC, o Facebook pretende lançar sua criptomoeda própria até o final de 2021. Anunciada pela primeira vez em 2019, a moeda digital seria denominada “Libra”. Agora, chamada de “Diem” e atrelada ao dólar, ela passou por algumas mudanças e deve ser testada ainda este ano.

Foto: Susan Walsh (AP)

Quando o Facebook anunciou seus planos para a criptomoeda há cerca de 2 anos, a ideia era que ela fosse uma moeda universal vinculada a moedas soberanas, como o dólar americano e o euro. Naquela época, a empresa queria que a “Libra” fosse baseada em “blockchain” – carteira digital que sustenta outras criptomoedas como o Bitcoin e o Ethereum, por exemplo.

No entanto, a ideia recebeu uma série de críticas. Banqueiros e políticos temiam que a “Libra” pudesse ameaçar a estabilidade monetária e potencialmente permitir a lavagem de dinheiro. Outra preocupação era de que a criptomoeda pudesse ser uma ameaça ao domínio do dólar americano. O envolvimento do Facebook ainda trazia preocupações sobre como ele protegeria a privacidade dos usuários.

Por causa desta forte oposição, a rede social perdeu grandes patrocinadores, como o MasterCard, a Visa e o PayPal. Agora, segundo a CNBC, o Facebook tem tomado uma série de cautelas para relançar a moeda. Quando for lançada, ela deve ser um pouco diferente do que se imaginava ao ser anunciada em 2019.

A Diem Association, organização sem fins lucrativos sediada na Suíça, supervisiona o desenvolvimento. Ainda não há muitos detalhes sobre como a criptomoeda do Facebook deve funcionar. Mas, ainda neste ano, deve ser lançado um projeto piloto em pequena escala, com foco principalmente nas transações entre consumidores individuais. Também pode haver uma opção para os usuários realizarem compras dentro do aplicativo.

A organização está em negociações com reguladores financeiros suíços para garantir uma licença de pagamento – um passo crucial que colocaria a empresa mais adiante no caminho para lançar seu projeto de moeda digital.

O lançamento da Diem é um passo importante na corrida global das criptomoedas. A China já está testando uma versão digital do yuan em algumas cidades do país. O Reino Unido recentemente anunciou que está estudando lançar sua própria criptomoeda. A União Europeia também pretende fortalecer o euro digitalmente.

LEIA MAIS:

Banco Central do Reino Unido estuda criação de criptomoeda própria

Facebook testa novo recurso de áudio que chegará em breve

Facebook também tem planos de integrar Messenger e WhatsApp

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: