Facebook adiciona política de “inspiração” para o feed de sua plataforma

A rede social incluiu nas postagens a opção do usuário adicionar o quanto é inspirador a postagem de seus colegas

Por: Aline Rocha Lemos | 23 abril - 09:57

Nesta quinta-feira (22), o Facebook anunciou nova política de inspiração em sua plataforma, a opção aparecerá no feed de notícias, com as postagens de amigos em comum, o objetivo da plataforma é preencher o feed de notícias com coisas que os usuários gostam, em vez de conteúdos desnecessários que podem irritá-los, postagem com desinformação, ou fake news.

Atualmente a rede social foi acusada sobre desinformação dentro da plataforma, alegando que o Facebook desempenhou um papel desproporcional nas eleições, e sobre a influência da rede social em ambas as questões se originou em grande parte da desinformação que foi espalhada.

Facebook anuncia nova politica de inspiração em seu feed

Imagem: Facebook

O Facebook tem como plano pesquisar os usuários sobre quais postagens eles consideram inspiradoras para ajustar a forma como o feed de notícias classifica o conteúdo, de acordo com o Facebook, os usuários desejam conteúdo inspirador porque “os motiva e pode ser útil para eles fora do Facebook”.

A ideia do Facebook é muito parecida com a rede social que está crescendo muito ultimamente, o Pinterest, é uma plataforma que tem como visão principal inspirar os usuários que acessam a rede, com publicação de looks, comidas, hobbies, estudos, maquiagens, poses para fotos, entre outros. A plataforma cresceu mais de 440 milhões de usuários ativos mensais.

Além disso, o Facebook diz que vai perguntar aos usuários quais são os tópicos interessantes, como política, economia, esportes, moda, culinária, para que possa mostrar postagens relevantes os navegadores. A plataforma confirma que está testando maneiras mais fáceis de remover postagens que você não goste de visualizar no feed por meio de uma opção “X” no canto superior direito da postagem.

O Facebook ainda parece lento em fazer grandes mudanças positivas em sua plataforma. A empresa fez uma mudança drástica no feed de notícias após a eleição nos Estados Unidos. Por causa do processo sobre desinformação a companhia aumentou as fontes de notícias confiáveis.

LEIA MAIS:

Facebook Pay começa a ficar disponível para usuários do Brasil

Facebook deve lançar criptomoeda própria ainda em 2021

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: