Como personalizar seu feed no Twitter

Recurso é eficiente para acompanhar perfis e assuntos específicos dentro da rede social

Por: Gabriel Figueiredo Monteiro. | 30 maio - 21:53

O recurso de criar listas dentro do Twitter pode ser muito bem utilizado para melhorar a experiência dentro da plataforma. Mesmo que muito eficiente, a ferramenta é pouco conhecida por usuários casuais da rede social.

Por ser uma rede muito dinâmica e pautada, quase que exclusivamente, por assuntos do momento, navegar pelo feed de notícias procurando por informações ou temas que não estejam em alta é tarefa difícil. Por esse motivo, as listas se mostram ferramenta necessária para quem busca economizar algum tempo.

O usuário pode criar vários grupos de contas que gostaria de acompanhar e separá-las por assunto, relevância, área de atuação e etc…

Caso você crie uma lista apenas com jornalistas de tecnologia, por exemplo, poderá, quando lhe interessar, entrar na lista e acompanhar apenas os tweets das contas de jornalistas de tecnologia adicionados àquele grupo.

para criá-las, basta entrar na página inicial da rede social por um computador ou dispositivo móvel e abrir o menu clicando nos  três pontinhos ou barras (depende do sistema operacional) no canto superior esquerdo.

Feito isso, o usuário terá de selecionar a opção “Listas” e, logo em seguida, clicar na opção “criar lista” ou no ícone que indica essa função.

Nesta etapa, a rede social pedirá a escolha de um nome e, caso queira, um breve descrição.

Após isso, adicione aquelas pessoas que gostaria de acompanhar. O Twitter limita a 5.000 o número de contas que poder ser adicionado em cada lista.

Quando quiser ver os tweets selecionados daquele grupo de perfis, basta entrar na mesma aba de “Listas” no menu principal e selecionar a lista criada. É bom lembrar aos empolgados que é permitido que uma conta acompanhe “apenas” 1.000 listas.

Caso queria “evitar a fadiga” também é possível seguir listas de outras pessoas. Na mesma Sessão, clique em “Descubra novas listas” e procure por tema.

Para aqueles que não desejam que outros usuários tenham acesso a suas seleções, é possível tornar as listas privadas no momento da criação. Esse método permitirá que outras pessoas só tenham acesso à lista caso recebam um link compartilhado pelo autor.

Veja também:

Twitter para de receber pedidos de verificação uma semana depois de reabrir formulários

Twitter deixa escapar preço da versão paga da rede social no Brasil

Veja como pedir o selo de conta verificada no Twitter

WhatsApp volta atrás e não limitará funções de quem não aceitar os novos termos de uso

Golpes pelo WhatsApp passam a ter penas de até 8 anos de prisão

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: