Aplicativo Clubhouse pode chegar a US$ 4 bilhões em valor de mercado

A rede social com salas de áudio está conquistando cada vez mais espaço nesse mundo dos apps

Por: Adriane Garotti | 07 abril - 19:19

O aplicativo Clubhouse, que proporciona ao usuário a imersão em salas de áudio ao vivo, sobre os mais diversos temas que se pode imaginar, está cada vez mais conquistando seu lugar no mundo dos apps. 

Segundo a empresa de tecnologia Bloomberg, que possui dados para o mercado financeiro, o Clubhouse pode chegar a alcançar US$ 4 bilhões no seu valor de mercado. Isso tudo devido a intenção da empresa em movimentar suas formas de investimento. 

Aplicativo Clubhouse aberto na tela do celular

(Foto: Divulgação/Clubhouse)

A explosão repentina dessa rede social, que foi lançada em abril de 2020, começou devido à curiosidade de muitas pessoas sobre como funcionava na prática essa logística de conversas em grupo por áudio. O aplicativo chegou a receber 600 mil usuários inscritos em pouco tempo após seu lançamento. 

Após um ano de sua entrada no mundo das redes sociais, o Clubhouse já chegou a US$ 1 bilhão no mercado. Muito disso está relacionado aos grandes investidores que enxergam no aplicativo a possibilidade de permanência. Um mês após seu lançamento no ano passado, a empresa de capital de risco Andreessen Horowitz investiu US$ 12 milhões na rede social. 

Atualmente, a maioria dos usuários esperam que o aplicativo também fique disponível para as pessoas que usam o sistema Android. Foi anunciado recentemente que os planos são para que ele chegue a esse público nos próximos meses.

LEIA MAIS:

Clubhouse está previsto para chegar nos smartphones Android em alguns meses, afirma cofundador

O aplicativo do momento Clubhouse, terá recurso de pagamentos para usuários

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: