Huawei pretende começar a vender seus celulares sem acompanhar carregador

A mudança estaria ligada a falta de insumos para produção de dispositivos tecnológicos

Por: Adriane Garotti | 14 abril - 17:30

Segundo informações do Weibo, a famosa rede social chinesa, a Huawei estaria planejando deixar de incluir os carregadores dos celulares na caixa dos aparelhos. Essa mudança está diretamente ligada ao fato do mercado de produção de dispositivos tecnológicos estar passando por momentos de escassez devido a falta de produção de chips.

Outras marcas concorrentes também entraram nessa onda e decidiram que o carregador não iria mais estar incluso na caixa dos celulares. Entre elas estão Samsung e Apple, porém essa última manteve como justificativa para seus clientes a influência negativa que a produção de carregadores dos dispositivos causavam ao meio ambiente. 

Celular e carregador na mesa

(Foto: Reprodução/Pixabay)

Segundo a gigante da maçã, essa seria uma medida sustentável. Mas, recentemente, a marca informou que estava enfrentando problemas com a escassez de chips para a produção de seus principais produtos como o iPad e o MacBook.

Os rumores apontam que a Huawei está tomando essa decisão unicamente por conta da escassez dos produtos no mercado de produção. Portanto, é possível que após esse período de incertezas, a marca até volte a entregar seus celulares acompanhados de carregadores para seus clientes. Porém, nada foi confirmado pela empresa. 

Por enquanto, muitas pessoas não estão contentes com essa nova proposta que as principais marcas de smartphones estão lançando. Mas, é importante ressaltar que, a dificuldade das empresas produtoras nesse período da pandemia é uma realidade. Esse fator é devido ao alto índice de demanda de produtos eletrônicos no momento de isolamento social. 

LEIA MAIS:

Escassez global de chips, atinge a fabricação de iPad e MacBook, da Apple

Apple se antecipa para começar a produção do chip A15 para o iPhone 13

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: