Michael Collins, astronauta da missão Apollo 11, morre aos 90 anos

O piloto foi o responsável por levar e manter sua equipe em segurança na Lua em 1969

Por: Adriane Garotti | 28 abril - 16:22

Nesta quarta-feira (28), a família do astronauta Michael Collins, conhecido por ter levado seus companheiros Neil Armstrong e Buzz Aldrin para a Lua em 1969, confirmou a morte do piloto de 90 anos, após uma luta contra um câncer. Família, amigos e a própria NASA prestaram suas homenagens em comunicados oficiais. 

Collins ficou conhecido como o “astronauta esquecido” durante sua participação na missão espacial para a Lua chamada Apollo 11, em julho de 1968. Isso aconteceu devido ao piloto não ter de fato pisado no satélite natural da Terra, já que ele ficou orbitando durante todo o tempo para que pudesse garantir o retorno da missão e todos os astronautas em segurança.

A família de Collins afirmou que ele passou seus últimos dias em paz e rodeado de quem o amava. “Mike sempre enfrentou os desafios da vida com graça e humildade, e enfrentou este, seu desafio final da mesma forma”, afirmou em nota oficial. 

A NASA se pronunciou através de Steve Jurczyk,  administrador interino da agência espacial norte-americana. “A NASA lamenta a perda desse piloto e astronauta talentoso, um amigo de todos que buscam expandir o potencial humano. Quer seu trabalho tenha ocorrido nos bastidores ou à vista de todos, seu legado sempre será o de um dos líderes que deram os primeiros passos da América no cosmos. E seu espírito irá conosco conforme nos aventuramos em direção a horizontes mais distantes”, disse. 

Dos três astronautas que participaram da missão Apollo 11 – Collins, Buzz Aldrin e Neil Armstrong -, com a atual notícia da morte do piloto anunciada hoje, passa a restar apenas Aldrin sendo o único membro vivo. Armstrong, o primeiro homem a pisar na Lua, faleceu em 2012, aos 82 anos.

Fonte: NASA

LEIA MAIS:

NASA: Ingenuity realizou seu terceiro voo neste domingo (25)

Superlua rosa vai estar visível na noite desta segunda-feira (26)

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: