Apresentadora da Globo, Bárbara Coelho fala sobre o assédio: “Não entendem que a mulher tem o espaço dela”

A jornalista foi convidada para um debate sobre o assunto no programa "Encontro"

Por: Marielle Rojas | 26 setembro - 2:48 PM | comentários

A jornalista Bárbara Coelho foi uma das convidadas para participar do programa “Encontro com Fátima Bernardes” desta terça-feira (25) e iniciou uma discussão sobre o machismo no universo do futebol. Ao lado do grupo “Vascaínas contra o assédio”, elas contaram casos de assédios nos estádios e afirmaram que muitas vezes os elogios estão ligados a comentários machistas.

“‘Você fala de futebol como homem’, ‘você entende muito mais do que marmanjo’ são ainda uma forma de te elogiar por essa questão cultural de não entender que a mulher tem o espaço dela nesse mercado”, disse Bárbara.

Foto: Reprodução/ Instagram

Fernanda Gentil dá resposta a seguidor que questionou casos de assédio na Copa do Mundo

A apresentadora do SporTV ainda disse que muitas mulheres ainda têm pensamentos e atitudes machistas: “e não conseguem enxergar isso, recriminando uma roupa, falando de um comportamento de uma outra mulher, desconfiando do talento pra ela ocupar determinado espaço no mercado de trabalho”.

Bárbara ainda relembrou que quando frequentava estádios optava por usar calças ao invés de shorts, como um meio de evitar o assédio. “Há 10 anos, quando eu frequentava muito estádio, até como mulher eu normalizava alguma situação. Por isso falo da conscientização da mulher porque a gente tem um papel na nossa geração de educar, mais do que julgar, ir pra guerra, é explicar o que nos fere, explicar que a gente merece essa liberdade onde quer que a gente esteja”, completou a jornalista.

Deixe seu comentário