O antes e depois de Terry Crews, de “Todo Mundo Odeia o Chris”, vai te impressionar

Conheça mais sobre a vida do nosso querido e amado Julius!

Por: Alefy Soares | 01 outubro - 3:56 PM | comentários

Amado e idolatrado no Brasil pelo seu personagem Julius, de “Todo Mundo Odeio o Chris”, atualmente com 50 anos, começou a sua carreira como jogador de futebol americano. Sim é isso mesmo o que você leu! Antes de se tornar um ator mundialmente conhecido, o sonho de Crews era ser um jogador na liga NFL, o que de fato conseguiu por seis anos.

Após todo o tempo como jogador, ele usou a sua experiência para escrever o roteiro do longa independente “Young Boys Incorporated”. No ano seguinte, aposentou sua carreira como jogador e se mudou para Los Angeles, convicto que sua vida iria se transformar como ator.

Atualmente, Terry faz sucesso por comerciais de desodorante hilários e criativos, além de Julius, de “Todo Mundo Odeia o Chris”, Hale Cesar na franquia “Os Mercenários”, do qual ele não poderá participar mais por polêmica de assédio, e como Latrell no filme “As Branquelas”.

Veja o antes e depois do ator: 

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Foto: Arquivo Crews/Montagem Metropolitana

Fora do “Mercenários 4”?

Terry Crews anunciou que deixou o elenco de “Os Mercenários” após se recusar a retirar as acusações de assédio que fez contra a agência William Morris Endeavor, envolvendo o agente Adam Venit.

De acordo com o Deadline, Crews esteve no Senado americano nesta terça-feira (26) para testemunhar sobre o caso, e aproveitou para falar sobre ter deixado o elenco do filme.

Foto: Reprodução/Instagram

O produtor do filme, Avi Lerner, teria pressionado Crews para desistir do processo ou ele sairia do filme. “Esse mesmo produtor está sob sua própria investigação” o ator começou a explicar. E completou dizendo “Abusadores protegem abusadores, e essa foi uma coisa que eu tinha que decidir. Vou ser uma parte disso ou vou me posicionar? E tem projetos que eu tive que recusar”.

Deixe seu comentário