Wesley Safadão é acusado de plágio por músico e rebate: “Quer enriquecer de modo ilícito”

Jonas Alves da Silva cobrou R$4,7 milhões de indenização

Por: Laís Mylla | 03 fevereiro - 12:22

Segundo o portal ‘UOL’, o cantor Wesley Safadão foi acusado pelo músico Jonas Alves da Silva, de cometer plágio e ‘copiar’ sua canção intitulada ‘A Vaqueirinha Maltratada’.

O compositor cobrou uma indenização no valor de R$ 4,7 milhões de reais e revelou que se surpreendeu ao ver que o ícone do forró brasileiro havia divulgado o hit: “[…] Conforme visto em diversos portais musicais, dentre eles o ‘Sua Música’, com 12,2 milhões de acessos, e 1,57 milhões de downloads”.

Safadão negou todas as acusações e disse à Justiça que o cantor estaria querendo “enriquecer de modo ilícito”. Ele esclareceu que em 2018, gravou o CD ‘Diferente não, estranho’ e publicou alguns de trechos de músicas de outros artistas, incluindo ‘A Vaqueirinha Maltratada’, após fazer uma homenagem a músicos e bandas. No entanto, garantiu que nunca a tocou em seus shows, tampouco publicou em plataformas digitais e o caso ainda será julgado.

Recentemente, com muito bom humor, dois fãs do cantor Wesley Safadão resolveram conscientizar a população sobre a importância da vacinação contra a Covid-19 com a gravação de uma paródia. Leia mais!

LEIA MAIS:

Após ‘Investe Em Mim’, Jonas Esticado lança novo hit ‘Isca’, com Wesley Safadão

“Roupa não é descartável”, diz Wesley Safadão sobre camisa repetida do seu filho em fotos de Natal

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos: