Twitter, Facebook e Instagram bloqueiam redes sociais de Donald Trump temporariamente

O Twitter exigiu a exclusão de 3 tweets específicos

Por: Laís Mylla | 07 janeiro - 14:41

Na última quarta feira (6), o Twitter anunciou que bloquearia a conta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump e, na sequência, o Facebook e o Instagram, ambos da mesma empresa, também anunciaram o bloqueio das redes sociais da autoridade.

A medida foi tomada após Trump declarar que não aceitaria o resultado eleitoral que deu a vitória a Biden. Com a repercussão, um grupo de apoiadores do presidente invadiu o congresso dos EUA.

O Twitter exigiu que Trump excluísse 3 tweets específicos de seu perfil, por violar aas diretrizes da rede social e anunciou que ele só poderá voltar a usar a conta após 12 horas e ainda ameaçou o bloqueio contínuo.

No perfil oficial do Twitter, foi comunicado: “Como resultado da situação violenta sem precedentes e contínua em Washington, D.C., exigimos a remoção de três tweets que foram postados hoje por violações repetidas e graves de nossa política de integridade cívica. Isso significa que a conta de Donald Trump ficará bloqueada por 12 horas após a remoção desses Tweets. Se os Tweets não forem removidos, a conta permanecerá bloqueada”, escreveram.

Recentemente, o apresentador Anderson Cooper, do jornal ‘CNN’ nos Estados Unidos se retratou após chamar o ex-presidente Donald Trump de “tartaruga obesa”. Leia mais!

LEIA TAMBÉM:

Filmes e Séries que mais bombaram em 2020

Mansão de Johnny Depp em Hollywood, na Califórnia, é invadida

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos: