Pela primeira vez, Lívia Andrade comenta boatos de relacionamento com Leo Dias

A apresentadora se irritou com os rumores e se pronunciou oficialmente

Por: Alefy Soares | 12 fevereiro - 15:22

No último domingo (10), Leo Dias anunciou que iria morar durante um tempo com Lívia Andrade, sua companheira do programa “Fofocalizando”, para se tratar de sua dependência química, mas parece que alguns internautas começaram a criar teorias que os dois estariam em um relacionamento.

Visivelmente irritada, Lívia se pronunciou sobre 0 caso. Em uma foto em que a apresentadora aparece com o jornalista, um seguidor comentou: “Lívia, namora com o Leo Dias. Faça ele feliz!”. Em seguida, ela rebateu: “Gente, que maluquice é essa? Para ajudar alguém, não é preciso ter uma relação com ela”, disparou ela. “Basta ter boa vontade para isso!”.

Lívia Andrade desabafa sobre recaída de Leo Dias: “Todos nós estamos juntos”

Foto: Reprodução/Instagram

Em outro comentário, um internauta escreveu: “Lívia, não desista do Leo, ele precisa de você”. Lívia respondeu: “Estou ajudando, mas acho que esse assunto não é para ser tratado nas redes socias. Se eu tenho o contato dele, eu ligo, não escrevo mensagem. As pessoas são cruéis e não perdem a oportunidade. Nessa guerra eu luto até o fim!”

Desabafo de Leo Dias

Na noite do último domingo (10), Leo Dias usou as redes sociais para avisar seus fãs de que já está em São Paulo. Durante um desabafo, o jornalista relembrou a despedida de sua mãe e ainda contou sobre os detalhes da mansão da apresentadora Lívia Andrade.

“O que mais me doeu nessa história toda dos últimos dias foi ver minha mãe chorando muito. Ela só soube hoje que eu estou indo morar em São Paulo. Um dia ela vai entender que mesmo mais distante, eu estarei mais perto”, desabafou o jornalista.

“Ver minha mãe chorando me destruiu. Vim chorando no voo. Tá f*da”, continuou ele.

Foto: Reprodução/Instagram

Após receber o apoio de Lívia Andrade e ser acolhido para morar na casa da apresentadora, Leo Dias falou sobre suas primeiras impressões na cidade e contou detalhes sobre a casa da amiga.

“Cheguei em São Paulo. Estranho chegar num domingo. Sempre só venho a trabalho, durante a semana. Chegar a São Paulo significa que eu precisava mudar algo imediatamente. Não estou fugindo de nada e de ninguém. Como eu já disse hoje, o meu maior vilão sou eu mesmo”, destacou ele. Leia mais.

Deixe seu comentário