MC Rebecca sofre ataques racistas e é defendida por Ludmilla e Lexa

As cantoras soltaram o verbo em defesa de Rebecca

Por: Camilla Tochetto | 02 dezembro - 16:48

Após comemorar ser a primeira mulher negra do Brasil a entrar no top 100 mundial do Spotify, por conta do sucesso da música Combatchy, MC Rebecca foi alvo de ataques racistas em seu perfil oficial do Instagram.

Ao verem os ataques contra Rebecca, Lexa e Ludmilla não se calaram e foram defender a cantors em suas redes sociais.

MC Rebecca abaixa calcinha de biquíni fio-dental: “Que popô”

Foto: Reprodução

“As pessoas deveriam fazer uma reflexão, eu nasci na comunidade, Anitta e Rebecca também, Luisa do interior do Sul, vocês tem noção do que é levar funk e pop para as pessoas? Enfrentar preconceitos todos os dias? Somos mulheres vencedoras! Tenho orgulho de vocês amigas”, citou Lexa pelo Twitter.

“Estão fazendo com a Rebecca igual fizeram comigo quando comemorei o Rock in Rio, vai ter negro feliz com as suas conquistas sim senhor, doa a quem doer, comemora mais que tá pouco Rebeccaaaaaaaaa”, afirmou Ludmilla na rede social.

Rebecca aproveitou para se pronunciar sobre o caso. “Sinceramente eu não entendo o brasileiro, estou representando o meu país, era o mínimo as pessoas serem solidárias aonde um país que tem muito preconceito e racismo, que eu consiga no meio disso tudo está no top 100 global, isso me deixa extremamente chateada”, desabafou.

  • 1/3 Foto: Reprodução/Twitter
  • 2/3 Foto: Reprodução/Twitter
  • 3/3 Foto: Reprodução/Twitter

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos: