Kelly Key revela que Latino não é mais o pai de Suzanna Freitas

Latino confirmou que a decisão para alterar o nome na certidão foi consensual

Por: João Paulo Soares | 14 agosto - 1:29 PM | comentários

Kelly Key se sentiu incomodada com alguns comentários envolvendo a escolha de sua filha, Suzanna Freitas – fruto de seu relacionamento com o cantor Latino – em ter escolhido passar o Dia dos Pais junto com Mico Freitas, padrasto da garota.

Usando as redes sociais, Kelly relevou que Latino não é mais pai de Suzanna. Bom, pelo menos não é mais no registro oficial de nascimento. De acordo com a cantora, eles entraram com o pedido na Justiça para que o nome de Mico Freitas aparecesse no documento da garota.

Marido de Kelly Key é flagrado com mão boba e cantora explica: “Não se aguenta”

“Agora uma informação para quem postou em seus sites que Suzanna passou o Dia dos Pais com o padrasto. Mico não é só padrasto da Suzanna. Ele é mais que isso. Sim, o Mico é oficialmente o pai da Suzanna agora. Tivemos esta boa notícia enquanto estávamos em Portugal. Nós já tínhamos entrado com este pedido e foi super bem aceito. Suzanna então é Freitas oficialmente”, disse ela.

Kelly Key posa de biquíni e deixa a mostra tatuagem em parte íntima

Em entrevista ao UOL, Latino confirmou que a decisão para alterar o nome na certidão de nascimento foi consensual. “Ela perguntou se eu iria ficar chateado. Se é uma vontade dela é uma vontade minha também. Temos que fazer o que temos vontade. Não temos que ser infelizes”, afirmou o músico. “Mico tem um carinho especial por ela. Foi ele quem a criou desde os 3 anos de idade. Foi uma forma de carinho dela com ele. Um reconhecimento”, disse Latino.

Mais cedo, Suzanna também usou as redes sociais para explicar o motivo de não homenagear pai biológico. “Eu convivo com o meu padrasto e eu não convivo muito com o meu pai de sangue. Ele não está muito presente na minha vida. A gente se vê muito pouco, e acaba tendo uma relação um pouco distante, mas não quer dizer que ela seja ruim”, contou a garota.

Deixe seu comentário