Jojo Todynho fala sobre assassinato do pai: “Mexeu com meu psicológico”

O pai da cantora morreu quando ela tinha apenas 10 anos

Por: Alefy Soares | 21 agosto - 6:50 PM | comentários

A dona do hit “Que Tiro Foi Esse” resolveu abrir o coração durante entrevista cedida ao “Conexão Repórter” e falou sobre o assassinato de seu pai, que ocorreu quando a cantora tinha apenas 10 anos.

Renovando o bronzeado com fita isolante Jojo Todynho dispara: “Hoje o negão não vai aguentar”

“Meu pai morreu com tiro. Ele era segurança de farmácia, de mercado, e acontece. Ele fazia segurança de uma lan house perto de casa, eu tinha 10 anos”, contou.

Jojo afirmou que isso bagunçou a sua vida: “Isso mexeu muito com meu psicológico. Pude melhorar a vida de minha família e ele não está aqui fazendo parte disso”, continuou.

A cantora deixou claro que a sua mãe foi a grande motivadora de tudo o que conseguiu conquistar hoje em sua vida e que o seu avô assumiu o papel do pai e cuidou muito bem dela durante toda a vida. Além disso, ela ironizou algumas críticas que recebeu por um suposto “estrelismo”: “Não vim nesse mundo para passar despercebida, sou um furacão”.

Jojo Todynho conta o motivo de não emagrecer

Jojo Todynho relembrou, nesta segunda-feira (20), uma foto antiga em que aparecia mais magra. A funkeira usou as redes sociais para explicar aos seus seguidores o motivo de não se preocupar em emagrecer ou reduzir o peso por meio de procedimentos estéticos.

“Eu gorda ou magra, continuo sendo a Jojo. As pessoas não compreendem que se hoje eu quiser deitar em uma maca e sair uma Barbie, eu posso e sem pagar nada. Mas estou procurando agregar valores na minha vida! Eu faço autoescola, aula de canto, de inglês, academia, fonoaudióloga”, contou ela.

Deixe seu comentário