Irmão de Carol Celico causa polêmica com post machista e xinga modelo

Enrico Celico não poupou xingamentos contra quem o criticou

Por: Redação Metropolitana | 31 agosto - 10:08 AM | comentários

Enrico Celico, irmão de Carol Celico e ex-cunhado de Kaká, causou uma polêmica enorme depois de fazer algumas postagens machistas. Mas, para piorar, ele xingou, e muito, a modelo Vivi Orth, e quem mais criticasse seu post.

Enrico Celico atacou a modelo Vivi Orth

Ele postou um vídeo onde aparece dando um tapa no bumbum de uma mulher, e escreveu na legenda “Galera, ultimamente a minha masculinidade, virilidade e sensatez tem sido colocada em xeque por um grupo de pessoas. Pra tirar isso a limpo, decidi buscar por aí, alguma feminista carente que estivesse dando sopa (tem de montes) pra ver se eu ainda levo jeito com a coisa. Parece que sim… Campanha 2019 bolsomito #TrateAsFeministasComoElasRealmenteQueremMasNaoDevem #MasculinidadeFragil #SangueDeJesusTemPoder”.

A atitude de Enrico incomodou e irritou muitas mulheres, que criticaram sua publicação. A modelo Vivi Orth foi uma delas, que disse “Esse é o tipo de homem que todos nós devemos lutar para exterminar da face da Terra”, e Celico decidiu que iria xingá-la como resposta.

Além do vídeo, Enrico tinha feito uma série de posts no Stories mostrando como as mulheres deveriam agir para ter um homem, indo desde ‘espere ele com a refeição pronta’ até ‘não faça barulhos quando ele estiver em casa’.

Depois da enorme polêmica, Vivi Orth disse que as providências estão sendo tomadas e falou sobre a amiga, Carol Celico: “Conheço o Enrico, sou amiga da irmã dele. Uma mulher incrível, adoro ela, mas ainda não falei com ela sobre isso. Ela não tem culpa de ter um irmão como ele. No fundo, o que quero mostrar para esses machistas, quanto homens como mulheres, é que a gente quer exterminar essa liberdade ao ódio que as pessoas têm”.

Carol e Enrico Celico

Já Enrico apagou o vídeo dando o tapa no bumbum da moça, mas fez uma nota de esclarecimento dizendo que não entendem seu senso de humor e tudo não passou de brincadeira. Confira na íntegra abaixo:

“Galera, não sou de fazer isso, penso que todo mundo que me segue sabe exatamente o viés de brincadeira e senso humor que todos os meus posts tem, inclusive me seguem justamente por conta disso. Infelizmente, devido a uma certa militância de internet, aqueles grupinhos de sempre, a massa de manobra, os ‘facilmente manipuláveis’, talvez eu deva explicar um pouco do que aconteceu.
No domingo fiz alguns stories que não tinham intenção alguma além de entreter a galera, de fazer os outros darem risada, pois é isso que me dá prazer e é isso que eu tento transmitir pros outros: alegria, prazer e bom humor. Não adianta você argumentar “ah com isso não se brinca”, pois para um comediante, isso só instiga mais as piadas #FicaADica.
Brincadeiras a parte, por conta desses posts que diga-se de passagem são mais que comuns no meu perfil, recebi uma enxurrada de ataques.
Vamos deixar uma coisa clara, críticas são aceitas por mim tranquilamente, até mesmo xingamentos, sei que devido as brincadeiras que eu faço, estou sujeito a isso (não dá pra agradar todo mundo).
Fiquem a vontade, esperneiem, gritem, me ataquem covardemente em bandos, mas o que não dá pra admitir é atacarem meus familiares, que nada tem a ver com o que posto..Pois bem, sou humano também e não tenho sangue de barata. Tendo ouvido tamanhos absurdos, dei minha resposta no último video de uma forma um tanto quanto agressiva e bizarra e por isso peço desculpas aos que se sentiram ofendidos, mesmo sabendo que essas mesmas pessoas que me atacaram, não terão a mesma decência de se retratar comigo, porque repito: são covardes!
É uma pena que a maioria não entenda ou muitas vezes nem queira entender o sarcasmo implícito nas coisas que posto (pois sinto lhes dizer, continuarão a ser postados), preferem enxergar uma pessoa desprezível, triste e maldosa, o que claramente demonstra muito mais sobre vocês do que sobre mim.
Fiquem bem. #LiveLongAndProsper”.

Deixe seu comentário

Mais lidas

Recomendadas para você