Famosos se revoltam após homem negro ser espancado até a morte em supermercado

João Alberto Freitas, de 40 anos, foi agredido por seguranças

Por: Laís Mylla | 20 novembro - 15:43

Após um homem negro ser espancado até a morte na noite dá última quinta feira (20), — véspera do Dia da Consciência Negra — no Brasil, diversas celebridades usaram suas redes sociais para se pronunciar sobre o ocorrido.

Na ocasião, João Alberto Freitas, de 40 anos, estava em uma unidade do supermercado Carrefour em Porto Alegre e, de acordo com informações da Polícia Militar, ele teria se envolvido em uma discussão com uma funcionária do mercado e foi agredido e espancado até a morte por dois seguranças brancos da rede, sendo eles, um policial militar — Giovani Gaspar da Silva — do qual foi levado para um presídio militar, e o outro é segurança da loja Magno Braz Borges e está em um prédio da Polícia Civil. No entanto, os motivos para o início das agressões ainda não foram esclarecidos. A investigação classificou o crime como ‘homicídio qualificado’. Confira as imagens:

A hashtag ‘PAREM DE NOS MATAR’ entrou nos Trending Topics do Twitter e foi usada em protesto à alta frequência de mortes de pessoas negras no país, principalmente por violência da parte das autoridades.

O caso gerou revolta entre os internautas e diversas autoridades e celebridades também se posicionaram em prol de justiça em suas redes sociais. Confira a repercussão:

LEIA TAMBÉM:

Emicida ganha Grammy Latino 2020 com álbum “AmarElo” e faz performance emocionante

Juliana Paes compartilha nova foto aproveitando viagem às Ilhas Maldivas: “Azul da cor do mar”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos: