Fã critica Tatá Werneck por depilar partes íntimas e humorista rebate

O clima ficou pesado nos comentários do Instagram da celebridade

Por: Alefy Soares | 08 novembro - 5:41 PM | comentários

Tatá Werneck gerou polêmica em seu Instagram ao divulgar um trecho de sua entrevista com Juliana Paes, no programa Lady Night. No vídeo, ela mostra um quadro com diversos tipos de depilação, em diferentes formatos, mas parece que uma seguidora se sentiu ofendida.

Assista ao vídeo: 

Nos comentários, ela escreveu: “Tata, você é demais mas perde a oportunidade de trazer discussões de gênero importantes. Faz depilação só por causa de macho? A Depilação deveria ser para você! Olha o machismo estrutural atacando”.

Em seguida, a humorista rebateu: “E a mulher tem a liberdade de fazer a depilação pelo motivo que quiser na verdade. Ela pode não depilar, pode depilar se quiser. Tentar definir quais os motivos corretos para uma mulher optar por uma depilação é uma forma de nos aprisionar também!”.

Não satisfeita, a seguidora voltou a comentar, dessa vez ironizando: “Pela forma como você ridicularizou o quadradinho mais peluda, não parece que a mulher tem a opção de não se depilar. Ser famosa não te garante que você pode lacrar em cima de quem estuda e luta mais que você, beijo!”.

Foto: Reprodução/Instagram

Irritada com a forma com que a fã respondeu, Tatá Werneck esclareceu pra finalizar o assunto: “Mas pera aí! Dizer que uma mulher ‘que estuda e luta mais que você’ está indo de encontro à toda a luta pela sororidade, amor. Agora é competição de quem é mais feminista? Você não conhece as minhas lutas. Não to lacrando, nem sei fazer isso. Sou bagaceira, não tenho esse objetivo. Estou apenas trabalhando! Depois de lutar para cacete pra ter meu espaço, onde eu pudesse ser quem sempre fui, falando as coisas que sempre falei, sem ser julgada. Mas agora é competição de mulheres contra mulheres? Você tá de qual lado? Eu tenho direito de não gostar de pelos em mim! E mesmo assim, nessa brincadeira, eu disse que alterno entre super peluda e nada peluda. Eu não posso discriminar a escolha dos outros. Aí estou errada”.

Foto: Reprodução/Instagram

“Mas em mim, eu posso gostar ou não, amor! Qualquer mulher tem o direito de se depilar ou não, como bem entender! E ninguém pode interferir. Não tenho o menor problema com vaginas peludas, você já viu meu braço? Parece uma perna! Quem sou eu para falar de pelos? Estou apenas brincando e sendo feliz!”, finalizou.

Deixe seu comentário