Ex-mulher de DJ Ívis lamenta lentidão da justiça em seu caso contra o cantor: “É um absurdo”

A influenciadora comentou sobre o assunto em seu Instagram Stories

Por: Laís | 28 setembro - 15:50

Após o DJ Ívis ser flagrado agredindo a ex-esposa, Pamella Holanda, e preso pelo crime de violência doméstica, a influenciadora voltou às redes sociais para fazer um desabafo sobre a lentidão da justiça em tomar as devidas providências sobre seu caso. Na ocasião, ela lamentou a demora das autoridades em providenciar seu pedido de medida protetiva, além da pensão provisória da filha.

“Eu me indigno com a lentidão no meu caso, de uma medida protetiva de urgência, de 48 horas, que há quase três meses não sai do papel. […] Eu não fiquei com casa, com carro, com nada não. Saí com uma mão na frente e outra atrás, com as minhas coisas e da minha filha colocadas em um saco de lixo. Não fiquei com nada. Esse apartamento que vivo hoje é alugado, com meu dinheiro, do meu trabalho. Só vim aqui falar porque é um absurdo a demora. A forma como o judiciário está trabalhando remotamente não dá”, disse ela.

Em seguida, ela lamentou por outras mulheres que enfrentam a mesma situação e não possuem a mesma visibilidade de seu caso: “Não estou passando necessidade, graças a Deus, porque eu trabalho, mas eu me indigno com a lentidão do meu caso de uma medida de urgência […] Uma medida provisória que não é a final, então imaginem a quantidade de mulheres que estão nessa situação há anos? Eu não consigo imaginar o sofrimento. A Justiça deve ser executada, não protelada. É por isso que as pessoas estão cada vez mais desacreditadas”, disse. Confira o desabafo completo:

LEIA TAMBÉM:

Pela segunda vez, chega ao fim o relacionamento entre Marília Mendonça e Murilo Huff

Will Smith afirma que possui relacionamento aberto com esposa e surpreende: “Definição de amor”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você