Ex-empregados domésticos querem processar Kim Kardashian e Kayne West por maus tratos

Fontes revelam que alguns ex-funcionários eram menores de idade

Por: Maria Luise Brey | 18 maio - 12:37

Segundo o jornal The Sun, o ex-casal Kim Kardashian e Kanye West podem ser processados por maus tratos por seus ex-empregados domésticos. Fontes próximas as celebridades disseram que o processo pode acontecer, ao mesmo tempo, que o promovido por ex-membros do coral das missas dominicais do rapper. 

Ao jornal, a fonte alegou que o primeiro processo pode ter desencadeado outros: “Como os ex-membros do coral estão processando, outros funcionários estão considerando suas opções. Há um aparente potencial nesse processo, envolvendo principalmente funcionários que trabalharam para a Kim. São ex-funcionários domésticos que jamais tiveram seus contratos legalizados”.

“Se o processo acontecer, uma questão está relacionada ao controle excessivo da Kim”. O contato ainda comentou que alguns ex-funcionários eram menores de idade: “Caso eles tenham trabalhado mais horas que os limites determinados pela lei, isso poderá ser classificado como violação de trabalho infantil”.

Kim Kardashian mal entrou para o time das solteiras e já apareceram pretendentes interessados por ela. O empresário inglês Sheeraz Hasan alugou por US$ 150 mil (cerca de 783 mil reais), um outdoor de 18 metros para pedir a socialite em casamento.

A placa nada sutil, carrega a seguinte frase “Kim K, case comigo”, e está localizada em West Hollywood, área nobre de Los Angeles.

LEIA MAIS:

Kim Kardashian diz que relacionamento com Kanye West é ‘coisa do passado’ e que quer virar a página

Kim Kardashian compartilha look do filho Saint West e internautas elogiam: “Maravilhoso”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:

Inscreva-se no BOMBOU!

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você