Empresário de Neymar, Wagner Ribeiro acusa Nike: “Não tinha dinheiro para romper o contrato”

Após repercussão de caso de assédio sexual, empresário também nega

Por: Karen Ramos | 28 maio - 14:56

O empresário de Neymar, Wagner Ribeiro, se pronunciou após a polêmica de que a Nike teria rompido o contrato com o jogador depois de uma funcionária acusá-lo de assédio sexual. Ele acusou a empresa de inventar o caso já que não teria dinheiro para romper o contrato.

“A Nike não tinha dinheiro para romper o contrato. A Nike pede para uma garota inventar o assédio sexual de Neymar”, disse.

Nesta sexta-feira (28), o jogador também se pronunciou em seu Instagram: “Eu realmente não entendo como uma empresa séria pode distorcer uma relação comercial que está apoiada em documentos. Não me deram a oportunidade de me defender. Não me deram a oportunidade de saber quem é essa pessoa que se sentiu ofendida. Eu nem a conheço”.

LEIA MAIS:

Belo revela que Gracyanne sofre preconceito e faz elogio inusitado: “Arnold Schwarzenegger de saia”

Ana Maria Braga faz revelação chocante sobre Louro José e web reage: “Como assim?”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!