Em vídeo, Anitta se pronuncia novamente sobre posicionamento político

Mais uma vez, a cantora resolveu comentar a sua recusa ao movimento "#EleNão"

Por: Alefy Soares | 20 setembro - 5:55 PM | comentários

Na última quarta-feira (19), Anitta havia se tornado o assunto mais comentado do Twitter por negar a participação no movimento “#EleNão”, contra o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro e acabou sendo duramente criticada pelos fãs. O caso tomou tamanha proporção que Marília Mendonça chegou a defender a cantora.

Ainda incomodada por ser associada ao Bolsonaro, justamente por não se posicionar, Anitta resolveu divulgar um vídeo em seu Instagram do qual comenta, mais uma vez, sobre o caso.

“Oi, gente. Eu vim aqui, mais uma vez, falar sobre eleições. Estão usando o meu nome para travar companhas e discursos políticos do qual eu não faço parte. Ontem eu me pronunciei pelas redes sociais dizendo claramente quem sou eu e no que eu acredito”, disse.

Foto: Reprodução/Instagram

“Eu disse que não voto em candidato machista, homofóbico, machista e por aí vai. A gente vive em uma democracia… Eu respeito a escolha de voto de todo mundo, mas eu não vou participar de jogo político e, mais uma vez repito que eu não quero ter a minha imagem atrelada a isso”, continuou.

“Por isso eu dispenso qualquer de apoio de candidato ou afiliados aqui no meu pronunciamento. Obrigada”, finalizou.

Assista: 

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por anitta 🎤 (@anitta) em

Entenda o caso

Anitta se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter após seguir um perfil pró-Bolsonaro e não se posicionar sobre o movimento “#EleNão”, em que várias mulheres (incluindo celebridades) se uniram contra o candidato à Presidência da República.

Ao perceber que o seu nome havia se tornado um dos assuntos mais comentados, a cantora escreveu em seu Twitter: “É um direito meu não querer opinar sobre política e eu só estou exercendo esse direito”. Ao ser questionada sobre o perfil pró-Bolsonaro, ela respondeu: “Eu não segui um perfil em apoio à nenhum candidato. Segui um perfil de uma amiga de 8 anos que finalmente consegui reencontrar e se ela escolheu expor seu voto é um problema dela”.

“A Fazenda”: Léo Stronda revela que já brigou com Anitta

“Não quero ser obrigada a odiar ninguém por isso. Não quero ser obrigada a fazer campanha política quando não foi esse o trabalho que escolhi”, escreveu. “É totalmente incoerente dizer que eu apoio a morte à comunidade LGBTQ+ quando eu faço parte dela. Estaria apoiando minha própria morte”, continuou.

“O que eu acho que eu possa fazer para apoiar as comunidades que eu defendo e/ou faço parte, que realmente acredite tenha capacidade de mudar em algo eu faço”, finalizou.

O pronunciamento de Anitta acabou dividindo a opinião dos fãs. Enquanto alguns apoiam o silêncio da cantora, outros cobram um posicionamento o quanto antes.

Veja: 

Deixe seu comentário