Di Ferrero recebe diagnóstico de coronavírus e cancela shows: “Já estou isolado”

Antigo vocalista da banda "NX Zero" falou sobre seu estado

Por: Amanda Oliveira | 13 março - 08:32

Di Ferrero, cantor e antigo vocalista da banda “NX Zero”, usou seu Instagram Stories na noite desta quinta-feira (12) para revelar que testou positivo para o novo coronavírus.

Foto: Reprodução/Instagram

Na sequência de vídeos, ele contou que está estável e que já está em isolamento. “Quero falar que estou bem, estou me cuidando, já estou isolado e vou ficar mais uns dias isolado. Estou sentindo como se eu tivesse uma gripe, estava com um pouco de falta de ar e agora já estou bem”, explicou.

O cantor também reforçou que teve que cancelar os shows e compromissos da sua agenda pelos próximos dias. “O mais importante é a saúde, é a gente se cuidar e estar bem. E ter responsabilidade nesse momento. Se você estiver sentindo qualquer tipo de sintoma, coriza, tosse, se isola”, ele pediu, ressaltando que seguirá dando notícias sobre o seu estado de saúde.

Recentemente, após realizar testes no hospital Albert Einstein, em São Paulo, a influenciadora digital Gabriela Pugliesi também foi diagnosticada com coronavírus na tarde desta quinta-feira (12).

Pandemia de coronavírus

Na última quarta-feira (11), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou oficialmente que estamos vivendo uma pandemia do novo coronavírus.

Diferentemente de epidemia, este termo é usado quando uma doença atinge diversos continentes do mundo com transmissão sustentada entre pessoas. Este tipo de contágio se dá quando um paciente infectado não visitou um país afetado e transmite o vírus para outra pessoa, que também não viajou.

“Nas últimas duas semanas, o número de casos de Covid-19 fora da China aumentou 13 vezes e a quantidade de países afetados triplicou. Temos mais de 118 mil infecções em 114 nações, sendo que 4 291 pessoas morreram”, disse Tedros Ghebreyesus, diretor-geral da OMS. Segundo ele, a confirmação da pandemia não muda a avaliação da OMS da ameaça representada pelo vírus.

“Estamos chamando todos os países para ativar e intensificar mecanismos emergenciais de resposta, buscar casos suspeitos, isolar, testar e tratar todo episódio de Covid-19, além de traçar as pessoas que tiveram contato com ele. Preparem-se, detectem, protejam, tratem, reduzam o ciclo de transmissão, inovem e aprendam”, concluiu.

MAIS SOBRE O ASSUNTO:

Casamento da irmã de Gabriela Pugliesi pode ter sido foco de novos casos de coronavírus

Tom Hanks e esposa são diagnosticados com coronavírus: “Vamos ser isolados”