De volta ao metrô, Priscila Tossan lamenta: “Tinha mérito para chegar à final”

Em entrevista, a artista falou sobre o tempo em que cantava no metrô e a experiência no reality

Por: João Paulo Soares | 08 outubro - 9:15 AM | comentários

Apesar de não ter ganho o “The Voice Brasil”, Priscila Tossan chegou a ser indicada como uma das favoritas. Em entrevista ao Portal UOL, a cantora retornou ao metrô carioca – onde se apresentava – e falou sobre as boas lembranças que o lugar trazia.

“Tudo começou aqui. Foi uma experiência enriquecedora porque eu trabalhei bastante a minha timidez, essa coisa de lidar com o público, acabou se transformando em uma grande vitrine”, lembrou ela.

Cantora de metrô, Priscila Tossan é ovacionada no ‘The Voice Brasil’

“Tinha receio. Achava meio louco [risos] cantar para o público naquele espaço e daí fugia. Resolvi tentar e, no primeiro dia, desisti, mas depois falei: ‘Tenho que encarar o metrô’. Voltei, entrei no vagão lotado, liguei o microfone e cantei. Lembro de tudo”, disse ela, lembrando que circulou por estações durante 9 meses.

Foto: Reprodução

Indicada como favorita, Priscila Tossan é eliminada do ‘The Voice Brasil’ e divide opiniões

Priscila Tossan revelou que sofreu com olhares preconceituosos. “Tinha gente que se retirava do vagão, dizendo que ali não era espaço para tocar música, para dançar, para as manifestações artísticas. Essa era parte chata. O resto era muito bom. Era bom saber que o seu trabalho, que a sua arte poderia mudar o dia de uma pessoa e isso acontecia com frequência”, explicou.

A carioca, de 28 anos, também falou sobre a experiência no reality show. “Eu tinha mérito para chegar à final, para estar no último dia. Não sei se levaria o prêmio, mas tinha condições. Fiquei bastante decepcionada, triste. Isso mexeu muito com o meu emocional. Quando o Tiago Leifert deu a notícia, minhas pernas ficaram bambas. Só pensei na minha mãe”, relembra. “Passou. Agora é seguir em frente.”

Deixe seu comentário