Com terror envolvente e claustrofóbico, “Annabelle 3” foge dos sustos bobos

O filme usa a essência de "Stranger Things", trazendo crianças como protagonista

Por: Alefy Soares | 26 junho - 20:55

Os filmes e séries com protagonistas pré-adolescentes estão fazendo sucesso em todo o mundo, e o diretor Dary Gauberman não fugiu disso! “Annabelle 3: De Volta Para Casa” surpreendeu – para uma franquia longa e que geralmente apenas procura lucro se reciclando.

O longa conta a história de três garotas, Judy, de 11 anos, Mary Ellen, sua babá, e a amiga Daniela, que precisam enfrentar uma das bonecas mais temidas do mundo, que é baseada em fatos reais. Tudo começa quando os investigadores paranormais, Ed e Lorraine Warren, que estão presentes em todos os filmes da franquia, deixam a boneca trancada numa sala que construíram no porão para guardar objetos ligados aos casos sobrenaturais que investigam.

Foto: Reprodução

Quando eles precisam viajar, contratam a babá Mary Ellen. As coisas saem do controle com a chegada de Daniela, amiga de Mary Ellen. Ela vai cometer a besteira de deixar a boneca livre para sair do depósito e, sim,  matar pessoas.

“Annabelle 3: De Volta Para Casa” surpreendeu por deixar de lado os clichês batidos de ‘jump scared’, que nada mais é são do que os sustos bobos aumentando o volume, mas focou em deixar um clima claustrofóbico, pois se passa inteiramente dentro da casa, e ainda busca construir o terror de uma forma mais natural.

Assista ao trailer do longa: 

Deixe seu comentário