Cliente processa salão de Ludmilla por peruca danificada: “Pesadelo”

O caso está correndo na na 4ª Vara Civil de Duque de Caxias

Por: Alefy Soares | 27 junho - 6:56 PM | comentários

A carioca Ohana Hindara, de 30 anos, está processando o salão de Ludmilla, chamado Lud Hair Boutique, na 4ª Vara Civil, de Duque de Caxias, por danos morais. Ohana afirma que comprou no ano passado uma peruca (full lace) na boutique da cantora avaliada em R$ 1.650. Porém, a mesma foi danificada em menos de um mês e a mulher afirma que o salão se negou a dar assistência ou trocar o produto.

“Tomei todos os cuidados, mas, em menos de um mês a full lace soltou da cabeça e rasgou um pouco na frente. Procurei o salão, que se negou a fazer a troca. Também não me deram nenhuma garantia do material que eu estava pagando. Eu tinha o sonho de ter um cabelão, e esse sonho acabou virando pesadelo”, lamentou Ohana.

A jovem afirmou que acabou improvisando um mega hair e aguarda o caso na justiça: “Tentei de todas as maneiras resolver. Tirei a full lace e nunca mais usei. E ainda tive que passar por constrangimento de sair na rua com um pano na cabeça porque a peruca estava danificada. Continuo com o meu prejuízo há quase um ano”, finalizou.

O local é administrado pela mãe de Ludmilla, Silvana Oliveira. Procurada pelo jornal Extra, a gerente, Daina, não quis se pronunciar sobre o caso.

Ludmilla e Lexa em festa de ditador africano

Ludmilla e Lexa viajaram para a África, onde fizeram na segunda-feira (25), um show para o ditador da Guiné Equatorial. Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, conhecido como Teodorín, está há 35 anos no poder em seu país.

Ele é apaixonado pela cultura brasileira e o oitavo governante mais rico do mundo. Segundo o jornal Extra, Teodorín fretou um voo para as cantoras, que ainda ficaram hospedadas em um hotel de luxo. Tudo bancado pelo príncipe.

“Vou cantar no aniversário do príncipe da Guiné”, disse Ludmilla antes de pegar o avião. “A vida é uma loucura, né? Eu nem imaginei que teria passaporte, para começar, e segundo que teria vários carimbos internacionais dele. Hoje, mais uma vez, estou saindo do meu país para fazer o que eu amo que é cantar. Hoje a gente está indo para a África cantar no aniversário do príncipe da Guiné. Estou muito feliz. Minha mãe está indo com a gente. O cara é… muito f***. Ele fretou um voo internacional para a gente ir pra lá quebrar tudo”.

Leia mais

Deixe seu comentário