Britney Spears deve prestar depoimento em processo de tutela contra o pai; saiba detalhes

Documentos obtidos pelo jornal 'The New York Times' apontam que a artista já havia formalizado reclamação sobre o controle

Por: David Mesquita | 23 junho - 19:03

A cantora Britney Spears prestará depoimento a um tribunal de Los Angeles nesta quarta-feira (23) para falar sobre a tutela do pai, Jamie Spears.

Ele é o responsável por comandar a fortuna, vida pessoal e carreira da artista de 39 anos.

Conforme documentos confidenciais obtidos pelo jornal ‘The New York Times’, divulgados ainda na terça(22), a princesa do pop reclamou inúmeras vezes das restrições impostas pelo pai, além de ter questionado a aptidão dele para administrar a carreira dela.

O jornal americano aponta que a dona do hit “Piece Of Me” formalizou as reclamações na Justiça. Segundo Britney, o seu pai chegou a escolher desde com quem ela namorava à cor dos armários da cozinha. “Ela afirmou que sente que a tutela se tornou uma ferramenta opressora e de controle sobre ela”, escreveu um investigador em um relatório de 2016.

A voz de “Toxic” também relatou que o pai estava “obcecado” por ela e que não podia sequer fazer amigos sem a aprovação dele. De acordo com informações do investigador, Britney revelou que era “muito, muito” controlada pelos responsáveis e que gostaria de encerrar a tutela o mais rápido possível.

“Ela está ‘cansada de ser explorada’ e disse que é ela quem trabalha e ganha dinheiro, mas todos ao seu redor estão em sua folha de pagamento”, informa o documento confidencial. Na época, a princesa do pop disse receber uma mesada semanal de US$ 2.000 (cerca de R$ 10 mil), embora tivesse contratos milionários.

Medo do próprio pai

Nos relatos, Britney também afirmou que, sob a tutela do seu pai, ela vivia “com muito medo”. Caso cometesse qualquer erro, as consequências eram “muito severas”.

Além disso, em 2019, a princesa do pop disse ter sido forçada a se internar em uma instituição psiquiátrica. E também contou que tinha que se apresentar contra a própria vontade.

Mesmo com todas as revelações de Britney, o relatório recomendou a continuidade da tutela. O documento, no entanto, falava em abrir caminho para a independência no futuro.

A artista também questionou a aptidão do pai para cuidar da sua carreira e fortuna de US$ 60 milhões (quase R$ 300 milhões). Em 2014, o advogado dela apresentou uma lista de queixas a respeito de Jamie Spears, entre as quais a alegação de que ele tinha problemas com o álcool.

Tutela legal

Considerada incapaz de cuidar de si própria, Britney está sob tutela desde 2008, quando foi hospitalizada para um tratamento psiquiátrico. Isso ocorreu após um colapso amplamente repercutido pela imprensa.

Desde então, o pai e a equipe da cantora diziam que tudo estava funcionando bem e que Britney era livre para pedir o fim da tutela, se assim o quisesse. A artista, por sua vez, manteve o silêncio e não fez manifestações públicas sobre o assunto.

MAIS DE BRITNEY SPEARS:

Britney Spears faz post sem sentido e preocupa fãs

Britney Spears vira piada na web após fazer declaração inusitada; entenda

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você