Astrid Fontenelle desabafa sobre maternidade e tratamento para tentar engravidar: “Só ganhei celulite”

Jornalista abriu o jogo em entrevista a Lore Improta, no canal AjudeUmaMamãe

Por: Karen Ramos | 28 outubro - 17:23

Em entrevista a Lore Improta, no canal AjudeUmaMamãe, Astrid Fontenelle falou sobre a decisão de adotar Gabriel, de 13 anos, após tentativas de engravidar por meio de tratamentos de inseminação artificial.

“Tentei a inseminação artificial e foi uma grande decepção na minha vida. Primeiro porque eu gastei muito dinheiro, é um tratamento muito caro e naquela época eu nem tinha tanto assim para investir naquilo. Só ganhei celulite. Dei com os com os burros n’água duas vezes. Vi que definitivamente não era para mim”, disse ela.

E acrescentou: “Daí falei, ‘quero adotar e chegou a hora’. Fui buscar essa pessoa, que eu sabia que existia e que se chama Gabriel.”

RACISMO

Ela comentou sobre três situações de racismo que presenciou com o filho. Em uma delas, na escola de Gabriel quando ele tinha três anos, Astrid escutou um menino mais velho chamando seu filho de ‘pretinho’, em tom pejorativo. “Saí do carro como um foguete, a primeira pessoa que eu encontrei foi o porteiro, que é um homem negro. Falei: ‘Mano, o moleque falou isso ou eu estou louca?’. E ele abaixou a cabeça e me respondeu que ele fazia sempre isso”.

A jornalista exigiu mudanças na escola, e que a instituição apontou que iriam trabalhar em livros na sala de aula. Eu falei que queria falar com os pais da criança porque eles que eram racistas. Então, a primeira vez foi de enfrentamento”. Entre essas situações, ela explicou ao filho sobre o racismo estrutural.

“Ele me disse: ah! Então isso já aconteceu antes. Porque, às vezes, quando estamos em uma loja e você vai para um lado e eu para outro, me perguntam se eu trabalho lá’. Acho que nada justifica isso porque ele tem cara de criança. Mas a pessoa não vê a cara, só vê a cor que é do trabalhador braçal.”

Recentemente, Astrid Fontenelle gerou polêmica nas redes sociais após abandonar um brinde enviado pela ex-BBB Juliette na praça pública Ayrton Senna, em São Paulo. “Eu acho que tem fã da Juliette que ia querer muito essa caixa”, disse ela. Em sua conta do Twitter, Juliette esclareceu que gostou da iniciativa da jornalista.

LEIA MAIS:

Luciana Gimenez não recorre decisão Judicial e encerra ação contra Antônia Fontenelle

Carolina Portaluppi defende Renato Gaúcho após polêmica e agita web: “Vergonha!”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você