Após modelo morrer na passarela e internautas acusarem falta de alimentação, mãe se pronuncia

Alguns chegaram a culpar a equipe pelo tempo de espera para o atendimento

Por: Alefy Soares | 30 abril - 14:31

No último fim de semana, Tales Cotta Soares, de 26 anos, morreu após sofrer um mal súbito na passarela do São Paulo Fashion Week e diversos internautas acusaram que ele deveria ter uma alimentação ruim, além de apontarem culpa da equipe. Ao ver as críticas, a mãe do modelo, Heloisa Cotta se pronunciou.

Segundo ela, a equipe não deve se sentir culpada porque eles fizeram tudo o que era possível no momento: “Obrigada pelo carinho. Não se culpem. Tales era profissional. Vcs não fizeram mal nenhum. No momento ninguém sabia realmente o que tinha acontecido. O certo era seguir o desfile pra não desestabilizar o restante. Sobre a alimentação, ele era saudável”, disse.

Foto: Reprodução/Instagram

Em nota, a marca para o qual Tales estava desfilando escreveu:  “Em nome de toda equipe pedimos desculpas por temos dado continuidade ao desfile, independente das informações que dispúnhamos naquele momento, no backstage. Independente se tivesse sido uma queda ou ele desmaiado, jamais deveríamos ter dado continuidade ao desfile. Tudo aconteceu muito depressa”.

Foto: Reprodução/Instagram

A SPFW também liberou uma nota de pesar: “Lamentamos esta fatalidade e prestamos nossas sinceras condolências à família de Tales. Junto com a agência Base MGT, estamos prestando toda a assistência necessária neste triste momento”.

Deixe seu comentário