Após ataques, Marília Mendonça apaga vídeo contra Bolsonaro e se pronuncia

A cantora pediu desculpas para os seguidores que se sentiram ofendidos

Por: Alefy Soares | 24 setembro - 6:29 PM | comentários

O movimento “#EleNão”, contra o candidato à presidência da república, Jair Bolsonaro, ganhou força nas redes sociais tanto com artistas nacionais quanto internacionais. Após defender Anitta por, no primeiro momento, não se pronunciar, Marília havia divulgado um vídeo participando do movimento, mas o deletou após ataque dos fãs.

No vídeo, a sertaneja falava sobre os movimentos no qual não apoia Bolsonaro, mas acabou recebendo diversas críticas e o apagou. Em seu Instagram oficial, Marília divulgou uma foto em que aparece ao lado de sua mãe e irmão, com um texto explicando o caso.

Pela primeira vez, Anitta aceita participar do movimento “#EleNão”, contra Bolsonaro

“Essa sou eu, aquela é minha mãe e aquele é meu irmão. Minha família é constituída dessas 3 pessoas, que juntas acreditaram nas promessas de Deus e nos seus sonhos. Eu sou uma menina de 23 anos, cheia de amigos das mais variadas formas e conceitos que sempre respeitou o seu espaço, e construiu com apenas algumas boas torcidas e muita fé, o que tenho hoje.”, escreveu.

Foto: Reprodução/Instagram

“Em uma noite, tudo o que foi construído com amor e carinho foi apagado na mente de algumas pessoas. Me sinto mal e minha cabeça dói por imaginar que anos de luta se basearam nisso, no final das contas. Deixo aqui, o meu pedido de desculpas à todas as mulheres que acreditei estar defendendo naquele momento. Deixo aqui o meu pedido de desculpas à todos os homens, por em um instante de loucura acreditar que uma opinião não feriria já vocês.”, continuou.

Foto: Reprodução/Instagram

“Eu realmente achei que poderia. Minha mãe tem recebido ataques tanto quanto o restante da minha família que nem compartilham da mesma opinião que a minha. Deixo aqui essa mensagem, e o meu profundo silêncio em qualquer questão que seja política. A gente pede encarecidamente PAZ! É isso que eu busco! Não posso opinar já que não sei do que o Brasil precisa! Tá na mão de vocês, galera! Boa sorte á todo mundo! Que Deus nos abençoe!”, finalizou.

O movimento “#EleNão” ganhou força em todo o mundo, incluindo artistas internacionais participando, como Dua Lipa, Diplo, Lauren Jauregui, Katy Perry, Lady Gaga e Dan Reynolds.

Deixe seu comentário