Após abandono, Simone Medina põe prédio de Instituto Gabriel Medina à venda por R$ 10 mi

Imóvel ficou sob responsabilidade da mãe do surfista após acordo na Justiça

Por: Karen Ramos | 24 setembro - 16:30

O prédio do Instituto Gabriel Medina está à venda. Simone Medina e Charles Saldanha ficaram responsáveis pelo imóvel após um acordo ‘amigável’ fechado entre o casal e o surfista depois de uma querela que chegou à Justiça, provocada pela mãe, segundo Demétrio Vecchioli, do UOL. Na prática, o instituto não funciona desde antes da pandemia.

A mãe do surfista pediu, inicialmente, o valor de R$ 10 milhões pelo terreno de 800 metros. Agora, aceita fechar em R$ 8 milhões.  O prédio foi comprado por Medina quando que ele ganhou seu primeiro título mundial. Na época, segundo diversas fontes, ele pagou R$ 1,2 milhão ao antigo proprietário e R$ 200 mil ao dono da antiga loja, pelo ponto.

A briga familiar começou após Gabriel Medina cortar a ‘mesada’ de Simone, de R$ 295 mil para R$ 200 mil. O valor era visto como a parte dela e do marido na ‘sociedade’ com o filho na exploração da imagem do atleta. Ela foi excluída da sociedade da SMG em 13 de agosto, depois do acordo com o filho.

Gabriel Medina e mãe

Foto: Reprodução/Instagram

Recentemente, em entrevista à Folha de São Paulo, Simone Medina, mão do surfista Gabriel Medina, negou que tenha sido responsável pelo fechamento do projeto, localizado no litoral de São Paulo. Ela afirma que era presidente da Instituição, mas deixou o cargo após parar de falar com seu filho.

LEIA MAIS:

Após diagnóstico, Rita Lee reage bem ao tratamento contra o câncer: “Lúcida e trabalhando”

Manu Gavassi revela motivo de ter se afastado da web por 9 meses e surpreende: “Não me confundir”

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:


Inscreva-se no BOMBOU!

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você