Agnaldo Timóteo falece, deixa filha e herança para amigos: “Nunca aceitaram a menina”

Keyty foi criada pelo cantor desde os 2 anos de idade e se tornou sua maior herdeira

Por: Larissa Placca | 13 maio - 00:34

Um mês antes de morrer por complicações da C0v1d-19, aos 84 anos, Agnaldo Timóteo escreveu um testamento deixando metade do seu patrimônio, avaliado em R$ 16 milhões, para a filha Keyty Evelyn, de 14.

Keyty foi criada pelo cantor desde os 2 anos de idade e se tornou sua maior herdeira. Ainda seundo a vontade do músico, os outros 50% dos bens serão que ser divididos entre dois afilhados (10% cada um) e dois dos seus seis irmãos.

Agnaldo Timóteo

Foto Agnaldo Timóteo; Foto: Reprodução

Na época, Agnaldo nomeou como inventariante, Sidney Lobo Pedroso, amigo do cantor há 45 anos. Apesar do amor que tinha pela filha, a adoção não chegou a ser formalizada enquanto o músico ainda estava com vida. No fim do ano passado, depois de sofrer um AVC e ficar quase dois meses internado em São Paulo, ele solicitou ao advogado que desse entrada no processo de adoção, o que ocorreu em janeiro.

“Os irmãos de Agnaldo nunca aceitaram a menina. E agor”a, depois de todo esse episódio de saber que ela tem direito a 50% do patrimônio dele, e que, possivelmente, concluída a adoção, ela, possivelmente, pode levar 100% dos bens, os irmãos estão querendo dificultar”, diz Timotinho, sobrinho do cantor.

LEIA MAIS

Participantes de ‘No Limite’ fizeram harmonização facial e web comenta

Inscrições do ‘No Limite’ 2022 estão abertas! Você topa?

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você