Morgan Freeman é acusado de assédio por oito mulheres e testemunhas

Ator pediu desculpas pelos comportamentos

Por: Gabriela Orsini | 24 maio - 3:56 PM | comentários

Morgan Freeman é um dos ícones de Hollywood, famoso por diversos papeis. Mas o ator, de 80 anos, foi acusado por oito mulheres de assédio sexual, segundo a CNN. Além dos relatos das vítimas, testemunhas confirmaram os acontecimentos.

Uma assistente de produção do filme “Despedida em Grande Estilo” acusou o ator de a tocar, principalmente na parte baixa de suas costas, por diversas vezes sem permissão, além de fazer comentários sobre seu corpo e roupas. Uma das situações, Freeman teria tentado levantar a saia da mulher, perguntando se ela estava usando calcinha, e outro ator do elenco viu. “Alan fez um comentário dizendo-lhe para parar. Morgan ficou apavorado e sem saber o que dizer” afirma a publicação.

Uma outra mulher que trabalhou na equipe do filme “Truque de Mestre” disse que ela e as outras mulheres não usavam roupas curtas, justas ou decotadas quando sabiam que Freeman iria para as gravações.

A investigação da CNN começou depois de uma jornalista deles, Chloe Melas, contou para seus superiores que foi assediada pelo ator durante uma entrevista. Outras jornalistas também relataram casos de assédio cometidos por Freeman.

Além disso, ex-funcionárias do ator, que trabalhavam na produtora Revelations Entertainment, confirmaram comportamentos impróprios e incômodos por parte do ator. E homens que trabalhavam lá e presenciaram essas ações de Freeman confirmaram os casos, e disseram que costumava pedir para as mulheres ‘darem uma voltinha’ para ele.

Após a publicação das acusações pela CNN, um representante de Morgan Freeman emitiu uma nota em nome do ator através do The Hollywood Reporter dizendo apenas “Qualquer um que me conhece ou trabalhou comigo sabe que eu não sou alguém que ofenderia intencionalmente ou conscientemente faria qualquer um sentir-se desconfortável. Peço desculpas a qualquer um se sentiu desconfortável ou desrespeitado – essa nunca foi minha intenção”.

Deixe seu comentário