Emissora cancela série depois de comentários racistas da atriz principal

"Roseanne" já estava renovada para a próxima temporada

Por: Gabriela Orsini | 30 maio - 4:44 PM | comentários

O canal ABC, dos Estados Unidos, decidiu cancelar a série “Roseanne” depois que a atriz principal, e também produtora, Roseanne Barr, fez um post racista e xenofóbico em seu Twitter.

Ian McKellen se revolta por “Animais Fantásticos 2” esconder sexualidade de Dumbledore

Barr falou sobre Valerie Jarrett, que foi assessora do ex-presidente americano Barack Obama, e a ‘brincadeira’ não foi nem um pouco engraçada ou bem aceita. Ela escreveu “Irmandade Muçulmana e ‘Planeta dos Macacos’ tiveram um filho = vj”, e revoltou colegas e pessoas do mundo todo.

Em declaração oficial, da ABC disse “A publicação de Roseanne no Twitter é detestável, repugnante e incompatível com os nossos valores, e decidimos cancelar sua série”. Além disso, Bob Iger, o presidente da Disney, que é dona do canal, também falou sobre o caso e disse “Só havia uma coisa a se fazer, e foi a coisa certa”.

Membros do elenco e da produção da série se pronunciaram, falando que o pensamento de Roseanne não refletem os valores dos outros que trabalharam com ela, e se mostraram horrorizados com o comentário dela.

Outros atores e diretores de Hollywood também se pronunciaram, agradecendo a atitude da ABC e condenando qualquer forma de opressão. Já Roseanne Barr pediu desculpas em seu Twitter dizendo “Eu peço desculpas a Valerie  Jarrett e a todos os americanos. Eu sinto muito por fazer uma piada ruim sobre a posição política e a aparência dela. Eu deveria ter pensado melhor. Me perdoem, a piada foi de mau gosto. Eu peço desculpas. Agora estou deixando o Twitter”. Apesar de ter deletado o post racista, ela continuou escrevendo no Twitter.

Deixe seu comentário