“Dragon Ball Super: Broly” traz a maior luta da franquia, com muita ação e explicações do passado

Filme estreia nesta quinta-feira (3) no Brasil

Por: Gabriela Orsini | 03 janeiro - 19:56

O novo filme da franquia “Dragon Ball” finalmente chegou aos cinemas, depois de criar tanta expectativa nos fãs, e “Dragon Ball Super: Broly” não vai decepcionar!

O longa vai trazer ao cânone oficial um dos personagens mais queridos, Broly, e recontar sua origem de um forma que torne a história mais interessante. Mas isso não é tudo, já que a primeira parte do filme foca em contar a história dos Sayajins e dá mais ênfase no planeta Vegeta.

“Dragon Ball Super: Broly” opta por focar mais em Goku e Vegeta, e claro que nos vilões, Broly e Freeza, e deixa outros personagens de fora, alguns são apenas rapidamente mencionados ou tem cenas curtas, outros simplesmente nem são lembrados. Isso faz com que toda a ação seja concentrada na trama principal e dá mais fluidez para o filme.

Divido em dois grandes momentos, o primeiro focado no passado como já dito, a segunda parte do filme tem uma das maiores, se não a maior luta que “Dragon Ball” já teve. Repleto de reviravoltas, Goku e Vegeta devem se superar cada vez mais para ter poder suficiente para enfrentar Broly, e vemos os dois Sayajins atingindo níveis incríveis de luta.

Falando nos dois, a história também enfatiza a relação deles, e podemos mais do que nunca vê-los como dois irmãos, que vivem se enfrentando mas no fundo fazem tudo um pelo outro. Explorar mais esse lado dos personagens traz um lado mais humano para eles, e dá um rumo bem interessante ao filme.

Com belos gráficos, apesar de um pouco diferentes dos anteriores, “Dragon Ball Super: Broly” traz uma história intensa com uma luta grandiosa, e deixa portas em aberto para uma sequência, seja em filme ou no anime. E os fãs com certeza vão querer ver mais de Broly depois de assistir ao filme!

“Dragon Ball Super: Broly” estreia nesta quinta-feira (3) nos cinemas de todo o Brasil! Confira o trailer:

Deixe seu comentário