Senado analisa criação do Dia Nacional da Síndrome de Down para 21 de março

Neste domingo (21), é comemorado o Dia Mundial da Síndrome de Down. Mas a data ainda não faz parte do nosso calendário nacional.

Por: Aline Bueno Silvestre | 21 março - 21:51

O Dia Nacional da Síndrome de Down, incluída no calendário da Organização das Nações Unidas (ONU), ainda não faz parte do calendário do Brasil. Mundialmente, é comemorado no dia 21 de março, neste domingo.

No entanto, um projeto foi enviado ao Senado para analisar a inclusão dessa data no calendário brasileiro. Além da criação da data, o PL 377/2011 prevê também maiores inclusões e políticas voltadas para esse público.

Senado analisa criação do Dia Nacional da Síndrome de Down

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O projeto foi apresentado pelo ex-senador Lindbergh Farias e aprovado em 2014 pelo Senado. Porém, sofreu diversas alterações quando foi enviado à Câmara e agora, o PL 6.576/2019 passa a incluir também a “semana nacional de ações públicas e sociais no campo da síndrome de Down”.

O senador Flávio Arns (Podemos-PR) é o relator do texto. Ele relembra que a síndrome não é uma doença, apenas uma alteração genética, ou seja, a terceira cópia de um cromossomo no nosso DNA, o 21. Por isso, a data é simbólica.

Flávio fala do combate ao preconceito contra as pessoas que possuem a síndrome, sendo que um a cada 700 nascimentos são com a terceira cópia do cromossomo. As informações são do portal do Senado.

Agora, a criação do Dia Nacional da Síndrome de Down está em análise no Senado. 

LEIA MAIS:

Projeto de lei que daria internet grátis a educadores é vetado

Câmara aprova Lei Mariana Ferrer

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você