Juiz de Curitiba decide que processo da Lava Jato sobre doações ao Instituto Lula será enviado ao DF

Na terça-feira (23) juiz tinha interrompido o envio

Por: Maria de Toledo Leite | 25 março - 18:45

Por meio de um despacho publicado nesta quinta-feira (25), Luiz Antonio Bonat, juiz titular da 13ª Vara Federal de Curitiba, decidiu enviar um dos processos da Lava Jato que investiga o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Antes disso, na terça-feira (23), Bonat tinha cancelado envio do processo e da ação que investiga a compra de um terreno para a construção da sede do Instituto Lula. Isso aconteceu depois da declaração do STF de que Sérgio Moro havia sido parcial ao condenar Lula.

Sérgio Moro sentado, gesticulando enquanto fala

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Na época que a transferência dos processo foi determinada pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal , em 8 de março, Fachin havia declarado incompetência da Justiça Federal do Paraná para julgar quatro processos de Lula.

No despacho desta quinta-feira (25), o juiz de Curitiba afirmou que a interrupção do envio era desnecessária. De acordo com a decisão, a ação sobre o terreno do instituto Lula ainda não foi enviada para o Distrito Federal porque a defesa do ex-presidente pediu ao STF para ter acesso a documentos relacionados a um acordo da Odebrecht. Respondendo ao pedido, o ministro Ricardo Lewandowski determinou que a defesa poderia ter acesso a todo o material antes do envio da ação.

Anulação das condenações de Lula:

No último dia 8, foi anunciado que Fachin, ministro do STF, havia anulado todas as condenações impostas a Lula pela Justiça Federal do Paraná em relação ao envolvimento do ex-presidente na Lava Jato. Com essa decisão, Lula passou a ter direitos políticos, podendo ser eleito mais uma vez.

O ministro baseou a anulação levando em conta o que o STF considerou em outros casos, que a Justiça de Curitiba não deveria ter julgado os acontecidos.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Bolsonaro volta a criticar Fachin pela decisão sobre Lula

Lula desconversa sobre candidatura: “A minha cabeça não está pensando em discutir 2022”

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você