“Deus queira que o novo ministro atenda o apelo dos governadores”, diz Lula sobre Queiroga

O ex-presidente do PT falou sobre as ações de Bolsonaro com a pandemia e a possibilidade de reeleição

Por: Aline Bueno Silvestre | 01 abril - 19:02

Nesta quinta-feira (01), o ex-presidente do Brasil, Lula (PT), falou sobre as ações de Jair Bolsonaro (sem partido) na presidência do Brasil e das possibilidades de vice-presidente caso o petista seja elegível.

A entrevista aconteceu no canal O É da Coisa Especial, da Band News FM, comandado por Reinaldo Azevedo e transmitido pelo Youtube. Ao mencionar o novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, Lula enfatiza o trabalho dos governadores e prefeitos.

"Deus queira que o novo ministro atenda o apelo dos governadores" afirma Lula

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

“Deus queira que o novo ministro atenda o apelo dos governadores”, disse. Além disso, ele falou também sobre as interferências de Bolsonaro nas decisões da Saúde.

“Deixa o seu ministro da Saúde falar. (…) Aceita o conselho da ciência para cuidar do coronavírus” disse. O presidente afirma que estamos vivendo um genocídio, não de estado, mas praticado pela responsabilidade de um único homem, se referindo ao atual presidente Bolsonaro.

Lula em entrevista no canal O É da Coisa Especial: “O milagre do meu governo foi colocar o pobre no Orçamento”

As possibilidades de reeleição

Reinaldo Azevedo questionou Lula sobre a possibilidade de ter Luiza Trajano, empresária brasileira que comanda as redes de varejo Magazine Luiza, na vice-presidência.

“Ela é uma mulher excepcional, não acredito que ela se meta na política”, afirmou Lula. Ele ainda citou a trajetória e a história de Luiza.

Sobre outras possíveis candidaturas para disputar as eleições, Lula disse: “Um país desse tamanho com essa cultura, você não inventa candidato.”. Lula ainda afirmou que não necessariamente ele precisa ser candidato a presidente da república.

LEIA MAIS:

Juiz que vai julgar casos de doação ao Instituto Lula, já o inocentou do crime de obstrução na Lava Jato

STF decide em 14 de abril sobre anulação das condenações de Lula

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você