CPI da Covid: Primeira reunião será no dia 27; entenda como vai acontecer

11 membros devem eleger o presidente e o vice-presidente para o comando

Por: Aline Bueno Silvestre | 19 abril - 22:06

Nesta segunda-feira (19), o senador Otto Alencar (PSD-BA) marcou a primeira reunião da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), para o dia 27 de abril. 

A maioria dos integrantes já concordaram em eleger Omar Aziz (PSD-AM) como presidente e Randolfe Rodrigues (Rede-AP) como vice-presidente. Renan Calheiros (MDB-AL) deverá ficar como relator. 

Primeira reunião da CPI da Covid será dia 27 de abril

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Ainda sim, o senador Eduardo Girão (Pode-CE) também é candidato para comandar a CPI. As investigações e a primeira reunião poderiam acontecer no dia 22. Porém, o governo quis mais tempo para a elaboração.

O que é a CPI?

A Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid-19 deve investigar erros e omissões do governo federal ao coordenar a pandemia da doença no Brasil. Além disso, deve ouvir todos os Ministros da Saúde que passaram pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido), atual presidente do país. Henrique Mandetta deve ser o primeiro.

As investigações devem apurar também a distribuição de cloroquina e hidroxicloroquina, remédios sem eficácia comprovada para tratar a Covid, e a demora na compra de vacinas. Leia a matéria completa.

Veja a lista de nomes que serão investigados pela CPI da Pandemia; Guedes, Pazuello e Araújo estão entre eles

Como vai funcionar a primeira reunião?

De acordo com Rodrigo Pacheco, presidente do Senado, poucos funcionários da Secretaria Geral da Mesa, da Secretaria de Comunicação Social e da Polícia Legislativa e senadores vão poder comparecer ao plenário da CPI. 

O local vai ser preparado com medidas de distanciamento entre as cadeiras, além de permitir somente a Agência Senado e a TV Senado na transmissão.

Já os senadores terão que comparecer obrigatoriamente no Senado para a votação, podendo participar apenas da discussão de forma virtual. Os integrantes que quiserem vão poder votar em urnas do lado de fora, através de sistemas de “drive-thrus”. 

*Com informações do G1.

LEIA MAIS:

CPI da Covid: investigação prevê quebras de sigilo, acareações e audiências com auxiliares de Bolsonaro

Carla Zambelli entrou com uma ação para impedir que Renan Calheiros seja o relator da CPI da Covid

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você