Ciro pede ‘generosidade’ de Lula e cita Nicolás Maduro e Evo Morales

As declarações foram feitas nesta segunda-feira (5), durante conferência virtual sobre reforma administrativa

Por: Aline Bueno Silvestre | 05 abril - 21:27

Nesta segunda-feira (5), Ciro Gomes (PDT), pré-candidato a presidente da República em 2022, pediu ‘generosidade’ de Lula (PT) para que não dispute as próximas eleições presidenciais.

As falas de Ciro aconteceram durante conferência virtual sobre reforma administrativa promovida pela Central dos Sindicatos Brasileiros.

Ciro pede generosidade de Lula e cita Maduro e Morales

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ciro fez comparações e afirmou que o ex-presidente não deve agir como Nicolás Maduro, presidente da Venezuela, nem Evo Morales, ex-presidente da Bolívia. Isso porque, para ele, os dois são “exemplos desastrados”. 

“Mas a gente devia pedir a ele que se compenetrasse e não imitasse o exemplo desastrado do [Nicolás] Maduro na Venezuela ou do Evo Morales na Bolívia.”, afirmou.

Nicolás Maduro propõe pagar vacinas contra coronavírus com petróleo

Ele também recomendou que o ex-presidente Lula seguisse o exemplo de Cristina Kirchnner. “E olhasse o que a Cristina Kirchner fez na Argentina, em que, tendo uma força grande, deu um passo pra trás e ajudou a Argentina a se reconciliar”, disse.

Sugeriu também que os casos de corrupção que marcaram o Partido dos Trabalhadores (PT) pode tirar força de Lula para presidência.

*Com informações da Folha de São Paulo e A tarde, do Portal UOL.

LEIA MAIS:

Maduro declara duas semanas de quarentena para conter variante de Manaus no país

Confrontos na fronteira entre Venezuela e Colômbia deixam 2 mortos e 32 pessoas detidas

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você