Bolsonaro fala de possibilidade de ser vacinado contra a covid-19: “Se acharem que eu devo me vacinar eu vacino.”

Contradizendo falas anteriores o presidente disse que "Não tem problema nenhuma buscar um posto de saúde e me vacinar agora que chegou a minha idade"

Por: Marina Ponchio Gomes Ferreira | 03 abril - 13:12

Neste sábado (3) o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) mudou seu discurso, após negar algumas vezes a possibilidade de tomar a vacina contra a covid-19 e admitiu a possibilidade de receber o imunizante. 

“Da minha parte não tem problema nenhum buscar um posto de saúde e me vacinar agora que chegou a minha idade”, afirmou o presidente, que já pode receber a dose de vacina no Distrito Federal. 

O presidente Jair Bolsonaro acena em sessão Foto: Agência Brasil/Divulgação[/caption]

O presidente chegou a afirmar que se for preciso ele receberá a dose e se considera imune ao vírus: “Eu já estou imunizado com o vírus. Se acharem que eu devo me vacinar, eu vacino, sem problema nenhum. Mas acho que essa vacina minha tem que ser dada a alguém que ainda não contraiu o vírus e corre um risco muito maior do que eu.”. 

Mesmo vacinado, presidente da Argentina testa positivo para covid-19

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, quando questionado sobre a vacinação do presidente, afirmou que a decisão de Bolsonaro sobre se imunizar ou não “é pessoal e privada.” e ainda disse que “Ele não me falou nada disso.”

Bolsonaro também comentou sobre a diferença entre o número de doses distribuídas às secretarias de saúde estaduais e municipais, ele disse não acreditar que “não é negligência de nenhum ente no final da linha”. Ele também admitiu que falta melhor comunicação de estados e municípios com o Ministério da Saúde.” 

Alguns líderes de outros países já foram vacinados e os ex-presidentes Michel Temer, Fernando Henrique Cardoso, Dilma Rousseff, José Sarney e Lula da Silva também já receberam a dose dos imunizantes.

LEIA MAIS

Em live, Bolsonaro diz que Forças Armadas podem ajudar na vacinação contra covid-19

Bolsonaro promete aplicar um milhão de doses por dia no Brasil. Porém, tudo depende da chegada das doses

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você