Bolsonaro critica governadores e fala sobre medidas restritivas adotadas por prefeitos

Ao lado do ministro da Defesa, Braga Netto, o atual presidente deu as declarações em visita a uma ONG no DF

Por: Aline Bueno Silvestre | 03 abril - 20:26

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) visitou a Associação Beneficente Cristã Casa de Maria – Beth Myriam, em Itapoã, no Distrito Federal, neste sábado (03), e falou sobre as ações dos governadores e prefeitos na pandemia.

O presidente criticou governadores e disse que cabe aos prefeitos adotarem as medidas restritivas “que valem”. Além disso, ele também falou sobre os prefeitos não concordarem com as medidas restritivas radicais do “fecha tudo”.

“Eu sou contra o ‘fecha-tudo’, e alguns governadores fecham tudo e já tem prefeito que não está acolhendo esse tipo de ordem. Alguns prefeitos não concordam com a política radical de fechar tudo”, disse Bolsonaro.

Queiroga diz que evitar lockdown é ‘ordem’ de Bolsonaro, mas população deve colaborar

Ao lado do ministro da Defesa Braga Netto, o presidente deu as declarações enquanto tomava sopa na Associação. 

“Essa política está nas mãos do presidente, que é contra o fecha tudo, e vai pros governadores, alguns deles fecham tudo e os prefeitos são obrigados a cumprir. Tem prefeito que não está mais acolhendo esse tipo de ordem”, afirmou.

O presidente ainda falou sobre as medidas restritivas e que a verba destinada não foi utilizada na saúde por alguns governadores e prefeitos.

As informações são do Portal UOL.

LEIA MAIS:

Bolsonaro promete aplicar um milhão de doses por dia no Brasil. Porém, tudo depende da chegada das doses

Brasil tem semana mais letal desde o começo da pandemia de Covid-19

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você