Príncipe Philip é homenageado com salvas de tiros de canhão e funeral é marcado para 17 de abril

De acordo com pedidos feitos em vida pelo duque de Edimburgo, cerimônia será simples e príncipe Harry deve comparecer

Por: Marina Correa de Genaro | 10 abril - 15:07

Neste sábado (10), o príncipe Phillip foi homenageado com salvas de tiros de canhão em diferentes localidades do país, além de territórios como Gibraltar e no mar pela Marinha. Foram disparados 41 tiros a cada 1 minuto a partir do meio-dia (8h em Brasília) em cidades como Edimburgo, Londres, Belfast e Cardiff.

As salvas de tiros de canhão são usadas pelos britânicos para marcar eventos nacionais importantes desde o século 18.

Príncipe Philip e rainha Elizabeth II

Foto: Fiona Hanson/AP

Foi confirmado também que o funeral de Philip, marido da rainha Elizabeth II, do Reino Unido, que faleceu nesta sexta-feira (9), será realizado no dia 17 de abril. De acordo com o Palácio de Buckingham, o príncipe Harry planeja comparecer.

A cerimônia será realizada na Capela de São Jorge, no castelo de Windsor, precedida por um minuto de silêncio em todo o país. O número de convidados será limitado a 30 pessoas e não haverá acesso ao público.

O Palácio de Buckingham reforçou que o funeral será realizado de acordo com as restrições contra a Covid-19, onde membros da família real deverão usar máscaras.

LEIA MAIS

Bolsonaro lamentou em nome dos brasileiros a morte do príncipe Phillip

Bolsonaro afirma que Ministro da Educação irá autorizar o retorno às aulas presenciais em todo o Brasil

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: