Jovem negra de 16 anos armada com uma faca é morta a tiros por policial em Ohio, Estados Unidos

As autoridades afirmam que Makiyah Bryant tentava golpear outra menina com uma faca

Por: Murilo Amaral Feijó | 21 abril - 15:27

Nesta segunda-feira (20), uma jovem negra de amo menos 16 anos foi morta a tiros pela polícia, no estado de Ohio, Estados Unidos. Segundo as autoridades locais, Ma’kiah Bryant tentava atacar outra pessoa com uma faca, durante uma briga.

A morte de Ma’kiah aconteceu momentos antes da condenação do ex-policial Derek Chauvin, que se ajoelhou sobreo pescoço de George Floyd, homem negro que estava desarmado, durante abordagem.

Imagens do caso Makiah Bryant mostram jovem com faca na mão

Foto: Reprodução/Twitter

O caso de Bryant viralizou nas redes sociais e protestos foram rapidamente organizados em Columbus, capital de Ohio.

De acordo com as autoridades do Departamento Policial de Columbus, a polícia foi acionada para resolver uma briga, envolvendo uma pessoa armada com uma faca. Durante coletiva de imprensa, foi divulgada imagens da câmera corporal do policial que efetuou os disparos.

Nas imagens, duas adolescentes estão brigando perto de um carro. Uma das adolescentes está com o que parece ser uma faca na mão. O policial dispara contra a menina que segura a faca. Em seguida, um adulto que presenciou a cena grita: “Você não precisava atirar nela! Ela é apenas uma criança!”.

Hazel Bryant, tia de Ma’kiah, em entrevista ao jornal The Dispatch, afirmou que a sobrinha morava em um lar adotivo e entrou em uma briga com outra moradora.

O caso será investigado pelo “Bureau of Criminal Investigation”, seguindo o padrão de casos como esse – quando um policial atira em alguém.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

México tem 61% mais mortes por covid-19 do que o contabilizado oficialmente pelo Ministério da Saúde

Putin ameaça Ocidente com ‘respostas duras’ caso ‘linhas vermelhas’ russas sejam ultrapassadas

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: